Entrevistas

De Frente com Gloss: Anahí

por Pedro Hosken
há 2 anos

DEMOROU, MAS SAIU! Como diria Renato Russo: “Quem acredita sempre alcança”. Acho que demorou mais de um mês entre pedido e negociações, mas consegui fazer com que a Musa RBD, Primeira dama de Chiapas, a dona da segunda cintura mais fina do México (A Thalia é a primeira) me respondesse. Anahí está de volta, e aproveitou essa entrevista para contar algumas novidades (Ok, não foram muitas, mas pra quem estava tanto tempo caladinha já é alguma coisa).

texto1111

Chora com essa cintuuuura! Chora com esse corpo!!!!

Espero que os fãs curtam, pois fiz a entrevista com a ajuda de vocês. Segui todas as orientações que recebi nas redes sociais (Falar de Shows, datas, nomes, não perguntar de Chiapas, falar pouco de RBD e tentar arrancar informações). Como a entrevista foi por email, tudo fica mais difícil, mas atazanei o Guillermo Rosas (empresário dela) e consegui algumas respostas. O melhor foi que ela mudou a pergunta sobre o snap, o que reforça a teoria que contei no video da entrevista com a Demi Lovato, de que todo famoso tem rede social fake, rs….

Bom, é isso, coloque seu álbum preferido do RBD pra dar aquela nostalgia enquanto você lê o nosso papo!! Depois me conte nas redes sociais o que achou (usando a tag #AnahiDeFrenteComGLoss).

HG – Você retomou a carreira musical com RUMBA e teve muito sucesso! Como foi a recepção dos fãs a esse novo trabalho?

ANAHÍ – Me deixou muito agradecida saber que estão me apoiando. Me senti muito abençoada.

HG – O que você andou fazendo esse tempo todo fora da TV e sem lançar músicas?

ANAHÍ – Tantas coisas! Trabalhei muito na minha fundação SALVAME. Foquei muito no meu casamento, na minha familia… E agora também no estado de Chiapas, apoiando meu marido em tudo que ele precisa.

salvame

A “Salvame” cuida de crianças que sofreram maus tratos

HG – Sua performance de RUMBA nos Premios Juventud foi incrível. Porque você não se apresenta em outros prêmios ou programas de TV?

ANAHÍ – O Premios Juventud foi incrível! Eu sentia muita falta do palco, e com certeza voltarei a me apresentar em alguma entrega de prêmios. Espero que me convidem logo!

HG – Sobre a sua volta às novelas, podemos ter esperança que aconteça logo? Eu amaria te ver como uma vilã!

ANAHÍ – No momento, as novelas não fazem parte do meu futuro. Não posso dizer que nunca voltarei, mas não está nos meus planos.

HG – Boom Cha ia ser lançada em outubro, o que aconteceu que não saiu? Algum problema? 

ANAHÍ – Eu nunca disse uma data oficial, na verdade. Só eram rumores, o tempo todo. A indústria tem seus processos legais e de logística para lançar cada música. Mas é oficial, o lançamento será dia 11 de dezembro!

HG – Em Boom Cha você trabalhou com a brasileira Zuzuka Poderosa. Como vocês se conheceram? Como foi a interação com ela? Ela te ensinou algo de funk?

ANAHÍ – O produtor DJ Budahh que nos apresentou. Ele me mostrou uma música com uma ideia nova, e eu imediamente pensei que deveria ser em português a colaboração. Nos juntamos várias vezes, tivemos muitas ideias… É uma canção que ficou muito tempo no forno. Me reuni com muitos compositores e produtores até chegar à versão final. Zuzuka teve umas ideias para a faixa e elas me encantaram, então resolvi deixar a colaboração dela maior e a convidei para escrever uma parte do rap e para estar no clipe.

Nesta sexta (12), tem o lançamento OFICIAL!

Nesta sexta (12), tem o lançamento OFICIAL!

HG – Boom Cha é uma canção feita para os fãs brasileiros? Fez alguma pesquisa sobre referências brasileiras para fazê-la?

ANAHÍ – Não é uma música só para fãs brasileiros, mas é uma forma de levar o Brasil e o México para todo o mundo. Unimos a paixão da música latina em uma música e a fizemos para todo o mundo!

HG – Além da Zuzuka, podemos esperar outra parceria com algum artista brasileiro? Existem muitas campanhas na internet para que você cante com brasileiros como Luan Santana ou Ivete Sangalo. Você os conhece? Existe essa possibilidade?

ANAHÍ – Fico muito feliz! Mas tudo a seu tempo! É Claro que adoraria trabalhar com eles.

HG – Eu adorei seu clipe com o Wisin. Como foi a experiência?

ANAHÍ  Foi Incrível trabalhar com ele. Wisin é um grande ser humano, tem uma família maravilhosa. Além disso, a gente formou uma super equipe com o diretor Jessy Terrero… Nossas gravadoras se uniram e apoiaram todas as ideias, então conseguimos um grande clipe juntos.

HG – Eu percebi que seus fãs estão muito carentes de você. Eles se sentem um pouco abandonados sem noticias suas. Por que anda tão calada? Está preparando algo?

ANAHÍ – Sempre os levo em meu coração. Todos os dias leio tudo que me escrevem nas redes sociais. A minha vida mudou e tenho novas responsabilidades que não me permitem fazer tudo que eu fazia antes como artista. No entanto, a música é parte de mim, e ainda que seja de poquinho em pouquinho, seguirei fazendo música sempre.

HG – Seu álbum já foi finalizado? Já tem uma data de lançamento? Já sabe o nome?

ANAHÍ – Esse álbum tem sido muito “inesperado”, então é assim que costumo chamá-lo. Mas ainda estou pensando. Me faltam apenas algumas músicas… Estamos achando que o disco completo será lançado em março ou abril do ano que vem. Ja postei algumas prévias do disco… “Arena Y Sol”, que fiz com o Gente de Zona, “Siempre Tu”, que a Gloria Trevi escreveu pra mim, “Amnesia” que fiz junto com Claudia Brant e Noel Schajris, entre muitas outras. E mais, vou te dar uma exclusiva! Tem uma música que me encanta, chamada “Me Despido”.

HG – Nos Premios Juventud, você encontrou a Maite Perroni. E outro dia ela postou no instagram uma foto com parte do elenco. Existe a possibilidade de uma reunião? Você aceitaria?

ANAHÍ – Sempre me encanta estar com meus RBD’s… Uma reunião é um sonho e talvez algum dia o universo conspire para que ela aconteça. Eu sei que é difícil, por conta dos planos pessoais de todos, mas seria um sonho estarmos juntos novamente.

10984265_10153069152221368_8699122726158610284_n

Que saudadeeee, só faltou o Poncho!

HG – A Anahi eu sei que se casou, agora o que você acha que aconteceu com a Mia (sua personagem em Rebelde). O que ela estará fazendo? Se casou? Está famosa?

ANAHÍ – Acho que Mia também se apaixonou e se casou. E está muito feliz!

HG – Vocês do RBD passaram muito tempo juntos. Como é hoje em dia? Continuam se falando? Tem um grupo no Whatsapp com todos?

ANAHÍ – A gente está sempre em contato!!

HG – Adorei a música ABSURDA. Qual foi a inspiração? Quando poderemos ver uma performance dessa canção?

ANAHÍ – Foi uma ideia que tive há muitos anos. Me inspirei em muitas histórias que meus fãs me contavam… Acho que todas as mulheres já passaram por isso alguma vez na vida, por isso a fiz.

anahiii

MARAVILHOSAAAA

HG – Assim como você, a Thalia é idolatrada no Brasil. Eu adoraria que vocês fizessem uma música ou uma novela juntas. Vocês se conhecem? São amigas? Gostaria de trabalhar com ela?

ANAHÍ – Eu a adoro muito. Nos conhecemos sim, e eu ficaria muito feliz de fazer alguma coisa com ela!

HG – Existe a possibilidade de você vir ao Brasi ano que vem para promover seu álbum ou quem sabe para fazer shows? Já tem algo planejado?

ANAHÍ – Definitivamente me encantaria voltar ao Brasil e espero que tudo se alinhe para que eu possa fazer um show por aí num futuro próximo.

Amava quando fazia a Demi e vinha aqui direto…

HG – Você conhece o SNAPCHAT. Já tem uma conta? Eu queria muito te seguir.

(Primeiro ela mandou uma resposta dizendo que tinha e no usuário colocou XXX, eu perguntei ao Guillhermo se era isso mesmo, ele disse que perguntou a ela e que ela tinha dito que ia abrir, mas acabou não abrindo, então mudou a resposta).

ANAHÍ – Ainda não, mas estão me convencendo, então logo te conto.

HG – Na internet existem muitos haters. Gente que usa a rede para distribuir mensagens de ódio e fazer bullying virtual. Como você faz para que isso não te afete? Qual o seu conselho para quem tem que lidar com isso?

ANAHÍ – Meu conselho é sempre focar no que é positivo. O mundo precisa de amor, de luz. Não temos tempo para focar em mensagens negativas.

HG – Você tem muitos fãs que fazem tatuagens com seu nome, seu rosto… Essas homenagens te agradam ou te assustam?

ANAHÍ – Eu os agradeço com todo meu coração.

Fãs-da-Anahí-Anymaniacos (1)

Sempre carinhosa com os fãs!!! AMO

HG – Manda um recado para seus fãs do Brasil:

ANAHÍ – Eu os amo. Sempre os levo no meu coração. Obrigada por me apoiarem, por me entenderem e por estarem sempre aí.

HG – Se você vier ao Brasil, você topa fazer uma entrevista comigo em vídeo? Quero tirar uma selfie com você!

ANAHÍ – Claro!! Em breve nos vemos!

Se quiser ler a entrevista em espanhol, clique aqui.