Famosos

Meghan Markle terá “assistente de realeza” para ajudar no casamento com Harry

por Livia Forte
há 25 dias

Meghan Markle terá uma “assistente de realeza”, que irá ajudá-la por seis meses a aprender todas as regras e cerimoniais que seu novo cargo de duquesa exige. Além dos serviços de consultoria, sua assistente irá atender a ela e ao Príncipe Harry em suas demandas como casal, disse o The Times.

Meghan está tendo um tratamento caprichado na sua chegada à família real britânica, já que a Rainha Elizabeth II abriu mão de sua secretária pessoal para que ela pudesse atender Meghan neste momento. Samantha Cohen, de 49 anos, vai se mudar do Palácio de Buckingham para o Palácio de Kensington para preparar a duquesa de Sussex para sua nova vida real. Cohen tem mais de 17 anos de experiência como parte da equipe principal da Rainha, aconselhando-a diariamente. Ela estará guiando Harry e Meghan durante seu primeiro ano de casamento e já desempenhou um papel importante no casamento real e na primeira aparição do recém-casados na festa de jardim do Palácio de Buckingham na última terça-feira (22).

Uma fonte disse ao The Times sobre Samantha: “Serão seis meses de escuta. Samantha está procurando conselhos de várias pessoas. Ela vai prosseguir com humildade. Não vai ficar quieta, no entanto. Vai ser um escritório muito ocupado. Ela trabalhou todos os dias da sua vida. Ela está acostumada a um cronograma exigente. ”Samantha costuma ser chamada de Samantha, a Pantera, por causa de sua abordagem simplista. Ela estará à disposição para guiar Meghan ao embarcar em uma turnê nacional de instituições de caridade e outras causas.

Samantha a princípio não trabalharia mais para a realeza. Ela havia decidido renunciar depois que o secretário particular da Rainha, Sir Christopher Geidt, anunciou em julho do ano passado que estava saindo depois de 15 anos no cargo. No entanto, parece que Cohen foi persuadida a ficar e foi vista no casamento real no último sábado (19).

Mãe de três filhos e casada, ela foi uma das primeiras mulheres a ser contratada em um escritório de mídia do Palácio que já foi dominado por homens. Trabalhando nas Relações Públicas, ela se tornou vice-secretária de imprensa em 2003 antes de se tornar secretária de imprensa em 2007. Ela acabou sendo promovida para o Escritório Particular em 2010 e tornou-se assistente de Sir Christopher Geidt.