Famosos

A tribunal, Blac Chyna relata ameças de suicídio de Rob Kardashian e experiência aterrorizante

por Pedro Hosken
há 9 meses

Conforme prometido, Blac Chyna compareceu nesta segunda (10) no Tribunal Superior de Los Angeles para dar entrada na ordem de restrição contra o ex Rob Kardashian. Os documentos arquivados pela modelo e por sua advogada, Lisa Bloom já foram obtidos pela revista People e alguns relatos são no mínimo preocupantes. Em um dos trechos, Chyna contou que o filho de Kris Jenner ameaçava tirar a própria vida caso ela não respondesse mais suas mensagens.

Ele ameaçou se matar várias vezes por mensagens de texto desde que terminamos em dezembro de 2016, tentando me manipular para responder às suas explosões. E eu levo suas ameaças a sério porque ele já me mostrou sua arma em casa“, registrou ela, anexando ao processo prints de algumas mensagens enviadas pelo Kardashian. “Você queria Dream para voltar pro pai do King. Bem, você vai poder ter ela. Vou partir dessa vida“, dizia o rapaz em uma delas. “Acredite em mim, eu estou pra morrer. Você não terá que se preocupar em me ouvir novamente“, soltou ele em outra. Numa terceira, Rob ameaçava: “Estou literalmente à beira de me matar e você não se importa nada. É isso o que você quer que eu faça?‘”.

Chyna falou com jornalistas nesta segunda na entrada do tribunal

Chyna falou com jornalistas nesta segunda na entrada do tribunal (Foto: Getty)

Que horror, né?! Em outro trecho do documento, Chyna relatou um episódio de agressão por parte de Rob. Segundo a modelo, o incidente teria ocorrido em 8 de abril (ou numa data próxima a essa). “Rob estava irritado comigo e me xingava na frente do meu filho de 4 anos, King Stevenson. Quando eu disse a Rob que ele não poderia falar de mim dessa maneira na frente de uma criança, Rob exclamou: “Posso dizer o cara*** que eu quiser!“. A história continua: “Eu usei meu celular para ligar para o pai do King [Tyga]. Rob imediatamente pegou meu telefone e me deu um soco que me derrubou no chão. Rob tem 130 quilos. O soco acabou me machucando e fiquei com dificuldade pra andar por dias”.

Segundo Chyna, tão logo se viu naquela situação, ela chamou a babá de King para a ajudar e levar a criança para outro quarto. “Eu pedi o telefone dela para documentar o abuso de Rob porque ele tirou meu telefone de mim. Então corri para o meu quarto e tranquei a porta. Rob estava tão fora de controle que conseguiu quebrar as dobradiças da porta do meu quarto, então fui pro banheiro e me escondi no closet do banheiro. Rob começou a pegar todas as minhas roupas e espalhar pelo chão do quarto, aos berros. Foi uma experiência aterrorizante pra mim“, desabafou Blac.

Chyna em coletiva de imprensa hoje, em Los Angeles. (Foto: Getty)

Chyna saiu feliz da coletiva de imprensa hoje, em Los Angeles. (Foto: Getty)

Por fim, a modelo concluiu, solicitando a ordem de restrição: “Estou com medo desse homem irritado, volátil e vingativo, que me atacou fisicamente e tentou me humilhar publicamente. Estou com vergonha de suas postagens. Peço ordens de proteção para que eu possa viver minha vida em paz e sem medo dele“. Como o hugogloss já havia adiantado aqui, o pedido de Blac foi aceito e agora Rob terá de manter uma distância de no mínimo 100 metros dela e não publicar mais nenhuma foto íntima ou informação pessoal da modelo. A que ponto tudo isso foi chegar, né?!