Famosos

Sophie Turner revela que sua educação sexual foi graças a “Game of Thrones”

Raphael Amador - Publicado em 03/07/2017 às 19:24

Enquanto esperamos pelo retorno de “Game of Thrones”, o elenco tem dado uma série de entrevistas para promover a sétima temporada da série. Neste fim de semana, a Sophie Turner, nossa eterna Sansa Stark, conversou com o Sunday Times e revelou que o teor erótico de “GoT” contribuiu para sua educação sexual.

É que Sophie começou na série quando ainda era bem novinha e acabou descobrindo sobre sexo a partir da leitura das cenas. “A primeira vez que eu descobri sobre sexo oral foi lendo o roteiro. Eu tinha 13 anos. Eu disse, ‘Wow… as pessoas fazem isso? Isso é fascinante’. Acho que essa foi minha educação sexual, estar em ‘Game of Thrones’“, contou ela.

Sansa (Turner) e Mindinho (Aidan Gillen) em cena da 7ª temporada.

Sansa (Turner) e Mindinho (Aidan Gillen) em cena da 7ª temporada.

Outro assunto comentado pela atriz foi a repercussão da cena do estupro de sua personagem, vítima das crueldades de Ramsay Bolton (Iwan Rheon). “Abuso sexual não foi algo que já afetou a mim ou alguém que conheço, então eu fui bem blasé em relação a essa coisa toda“, admitiu ela. “Fui ingênua. Aí gravei essa cena e logo depois houve um enorme alvoroço por termos transmitido algo assim na televisão. Talvez não devíamos ter colocado isso na tela.“.

Depois das críticas, ela chegou a refletir sobre o assunto. “Quanto mais falarmos sobre abuso sexual melhor e dane-se as pessoas que estão dizendo que não devemos colocar isso na TV e dane-se as pessoas que estão dizendo que vão boicotar o show por causa disso. Esse tipo de coisa acontecia antes e continua a acontecer nos dias de hoje, e se tratarmos isso como tabu, como as pessoas vão ter forças para denunciar e sentirem-se à vontade dizendo que isso aconteceu com elas?“.

“Game of Thrones” tem retorno marcado para 16 de julho, na HBO.