TV / Séries

BBB18: Gleici conta o que viu e Patrícia chora muito: ‘Não quero ir embora!’

Pedro Hosken - Publicado em 10/03/2018 às 10:40

Jesus Coroaaaaado! O capítulo de ontem (9) de “O Outro Lado do Paredão” não poderia ser mais emocionante… Após o tão aguardado retorno de Gleici Thorne de Monte Cristo na casa do BBB, a vingativa votou em Patrícia, que se revoltou e acabou chamada de falsa pela acreana. Como vocês devem ter visto no finalzinho do programa, Gleici contou algumas das falas problemáticas da Adele Falsificada sobre os demais participantes… mas não parou por aí não!

Em conversa com a aliada Ana Clara, a jovem dividiu outras de suas percepções e alertou: “Jéssica e Kaysar são pessoas que a gente não pode confiar“. Ainda na presença de Ana e também de Ayrton, Caruso e Wagner, a acreana não titubeou ao ser questionada sobre quem é o mais fofoqueiro da casa. “Patrícia! Eu não sabia que ela era venenosa, essa questão de ficar soltando piadinha e tentando influenciar as pessoas“. Mas engana quem pensa que Gleici só ficou contando os baphos para “terceiros”, digamos… a vingativa também mandou a real para a própria Jéssica, cara a cara, sem rodeios.

Você é uma pessoa influenciável. Para mim, você é uma pessoa que não tem opinião própria e está fazendo o jogo dos outros“, disparou, recordando o voto da personal trainer nela no último paredão. A loira se defendeu, dizendo que Gleici era sua única opção e foi rebatida: “Você tinha outra opção. Os meninos vivem falando de ti“. Eitaaaaa! Surpresa, Jéssica ponderou que os rapazes estavam imunes. “O Wagner não estava imune“, lembrou Gleici. Jéssica então disse que na ocasião havia tido uma conversa importante com o artista visual e afirmou não sentir verdade quando fala com Gleici.

Eu não sou uma pessoa falsa. Eu sempre falei que quero que as meninas fiquem muito tempo aqui. Hoje, votei na Patrícia mas, de coração, não queria votar em mulher. Mas não tenho Síndrome de Estocolmo para conviver com quem me faz mal e faz mal para quem eu gosto. Não sou louca“, concluiu a acreana. “Fico feliz de você ter visto algumas coisas e continuo com minha admiração por ti. As máscaras vão caindo. Seja bem-vinda de volta“, desejou a personal, encerrando a discussão.

E enquanto tudo isso rolava, Patrícia, desmascarada ao vivo, em rede nacional, chorava copiosamente num dos quartos, sendo consolada por Diego. “Ela mentiu! Primeiro ela quis me prejudicar em rede nacional. Não sou falsa com ninguém. Ela pode me chamar do que ela quiser, menos dessa palavra”, reclamou. “Todo jogo é assim: uma hora um faz gol, outra hora o outro faz gol. Ganha quem fizer mais gols“, elaborou o paraense.  “Amanhã, depois da prova [do anjo], a gente começa a pensar. Se não tiver o que ser feito e tiver que ir eu e você ao Paredão, com quem quer que seja, a gente vai e vai tirar a outra pessoa“, garantiu ele. HAHAHAHAHAHA Cê jura, né, lindo?!

A funcionária pública então disse que não queria ir ao paredão junto com o parceiro (mas não foi ela que arquitetou a berlinda de Gleici com os amigos da acreana, Paula e Mahmoud?!… Tudo o que você faz um dia volta pra você, meu amor. Beijos, Walcyr!). “É um jogo e a gente não pode desanimar”, pediu o brother. “Eu não quero ir embora, quero ficar. Quero que o Brasil me deixe aqui“, afirmou Patrícia, criticando Gleci na sequência. “Ela voltou achando que tem o rei na barriga, querendo humilhar as pessoas. Mas eu vou pra cima”, prometeu. Só se for pra cima da lista de participantes de maior rejeição no reality, né, fofa?! kkkkkkkkkk

E a vingança de Gleici Thorne de Monte Cristo está só começando…

Que baphãoooooo, minha gente! Já estamos aqui ansiosos para os próximos capítulos de “O Outro Lado do Paredão”!