TV / Séries

‘O Outro Lado do Paraíso’: Patrick vira o jogo no tribunal e Renato fica sem fortuna!

por Pedro Hosken
há 1 mês

Genteeee! Lembram que a gente contou aqui que o Renato (Rafael Cardoso) se uniria a Fabiana (Fernanda Rodrigues) para juntos tomarem de Clara a fortuna acumulada por ela com os bens de Beatriz (Nathalia Timberg)?! Pois os dois trapaceiros chegarão perto de concluir o plano deles, mas acabarão se dando mal no tribunal… tudo por conta da esperteza do sempre maravilhoso Patrick (Thiago Fragoso).

Segundo informações da colunista do jornal “O Globo”, Patrícia Kogut, a sessão do processo movido pela dondoca será acalorada, com direito a acusações de roubo por parte de Fabiana. “Eu não roubei porque as telas me pertenciam“, esclarecerá a neta de Josafá (Lima Duarte), relatando em seguida como conheceu Beatriz e como recebeu as valiosas pinturas. Renato, que estará acompanhando a audiência, intervirá: “Desculpa interromper, senhor juiz. Mas fica a pergunta: como a velha podia doar se estava no hospício, interditada?“.

Esses dois se merecem!

O magistrado considerará: “Não é uma pergunta fora de propósito. Os papéis referentes às doações estão aqui, assinados por dona Beatriz?“. Patrick, advogado de Clara na causa, mostrará a documentação e ela, por sua vez, explicará como retirou as telas da casa de Fabiana. Renato colocará lenha na fogueira, sugerindo que a mocinha merecia ir para o xilindró. “Prisão nunca! Eu já fiquei anos naquele hospício“, reagirá a personagem de Bianca Bin, desesperada. Será aí que Patrick rebaterá o argumento de Renato (de que Dona Beatriz não estava legalmente apta a fazer a tal doação), convocando a atual diretora do hospício para dar depoimento.

A personagem, de nome Hermínia, afirmará que Beatriz não era incapaz. “Sempre esteve mentalmente sã. Mesmo sem tomar os remédios. Certa vez ela confessou que não fazia uso deles. Eu tenho os registros com a data de cada avaliação. Entreguei todos ao então diretor da instituição. Eu queria que dona Beatriz voltasse para casa. Que fosse feliz“, esclarecerá ela, entregando os laudos psiquiátricos ao juiz. “Está aí nos registros. Ela e outros pacientes, sãos, foram mantidos no hospício por duas gestões de diretores. Por dinheiro. O escândalo foi muito grande quando se descobriu que certas famílias mantinham parentes no hospício para se apossarem de suas fortunas“, denunciará.

A fortuna de Beatriz seguirá nas mãos de Clara!

Na sequência, Patrick coroará sua performance no tribunal, comprovando que Fabiana pagou para manter a tia internada. Diante dos fatos apresentados, o magistrado dará a sentença: “Atesto que Beatriz de Sá Junqueira estava mentalmente sã quando doou as telas para Clara Tavares. Declaro o direito de Clara Tavares à sua fortuna. Todos os seus bens estão desbloqueados“. Resta saber se Renato deixará por isso mesmo ou tomará medidas fora do tribunal para prejudicar a mocinha de “O Outro Lado do Paraíso”… Vamos acompanhar!