TV / Séries

Claire Foy admite que polêmica salarial em “The Crown” a fez “abrir os olhos”

Raphael Amador - Publicado em 28/04/2018 às 17:07

A atriz Claire Foy voltou a comentar a controversa diferença salarial entre ela e seu colega de elenco Matt Smith em “The Crown”. Como vocês devem ter visto, a Netflix e a produtora da série receberam inúmeras críticas após a revelação de que a estrela ganhou menos que seu parceiro de cenas, mesmo sendo a protagonista da trama.

Segundo Foy, essa questão a fez refletir sobre negociações para futuros trabalhos. “Definitivamente abriu meus olhos para muita coisa. E eu certamente não serei ingênua sobre isso“, disse ela ao The Telegraph.

E ela continuou: “Realmente abriu meus olhos sobre ter uma opinião e ver que eu tenho permissão para me defender. E acho que isso realmente mudou minha abordagem sobre mim mesma e sobre outras mulheres da indústria. Tem sido apenas uma coisa positiva, apesar de embaraçosa“.

Claire Foy e Matt Smith em cena de “The Crown”, da Netflix.

Anteriormente, a atriz já havia comentado o caso para a EW: “Estou surpresa porque estou no centro disso tudo, e qualquer pessoa que está no centro de algo se sente estranha e fora da realidade. Mas não estou surpresa pelo fato de que é um drama protagonizado por uma mulher. Não estou surpresa que as pessoas vejam essa história e pensem ‘Oh, isso é um pouco estranho’”.

O ator Matt Smith também se manisfestou sobre a controvérsia, afirmando que defendia a igualdade salarial entre eles. “Claire é uma das minhas melhores amigas, e eu acredito que nós deveríamos ser pagos de forma igual e justa. Eu sempre apoio a igualdade”, disse ao The Hollywood Reporter.

Apesar da produtora Suzanne Mackie ter dito que, a partir da terceira temporada, nenhum ator receberia mais que a intérprete da rainha Elizabeth II, a polêmica seguiu com a erupção de uma petição pública que pediu ao ator Matt Smith a doação de sua diferença salarial em relação a Claire para o movimento pró-igualdade de gênero “Time’s Up”, do Reino Unido.

Isso porque haverá uma passagem de tempo na história e os dois atores deixarão a série. Olivia Colman (Broadchurch) vai assumir o papel da rainha Elizabeth e Tobias Menzies (Outlander) foi o escolhido para o papel do príncipe Philip. A terceira temporada ainda contará com Helena Bonham Carter como a princesa Margaret.

“The Crown” tem retorno previsto para o final de 2018 na Netflix.