Hugo E Eder

Chef que aceitou se casar com ex-namorado 24 horas antes da cerimônia é dado como desaparecido no RJ, e marido se desespera com detalhes

O marido, Eder Meneghine, registrou o sumiço que ocorreu de maneira misteriosa

O chefe de cozinha Hugo Barbosa, de 44 anos, ficou conhecido em setembro do ano passado ao aceitar se casar com seu ex-namorado, o arquiteto Eder Meneghine, de 60 anos, 24 horas antes da cerimônia – que aconteceria com outro noivo. Nesta terça-feira (12), Eder contou ao G1 que Hugo desapareceu, e se disse preocupado com a situação do marido.

A Delegacia de Descoberta de Paradeiros (DDPA) já investiga o caso. O desaparecimento foi registrado ontem (11), na Delegacia da Barra da Tijuca, na zona oeste do Rio. Segundo Meneghine, o homem está sumido desde a manhã da última quarta-feira (6). Hugo teria relatado aos amigos que viajaria para Londres, na Inglaterra, onde faria um curso de 45 dias, pago por um cliente. Os dois moram em casas diferentes.

O marido achou a história estranha e acabou descobrindo que aquele curso só aconteceria online, o que o deixou ainda mais preocupado. “Estou com um sentimento muito ruim, de muita preocupação, de muita tensão. É um choque! O Hugo tem uma doença autoimune, tem algumas limitações, às vezes tem dificuldade até para andar e do nada ele desaparece do mapa“, disse Eder.

Whatsapp Image 2022 04 12 At 15.05.17
Hugo desapareceu de maneira misteriosa. (Foto: Reprodução)

Ainda segundo o arquiteto, o homem deixou a casa sem rastros de que faria uma viagem demorada. “Saiu levando uma mala e deixou o ventilador ligado, a porta da casa aberta e o cachorro amarrado ao pé da mesa, passando fome. Quem é que vai pra Londres e sai deixando as coisas numa circunstância como essa? Eu não sei o que aconteceu de verdade“, pontuou.

Meneghine tem medo de que alguma pessoa tire proveito da saúde fragilizada de seu ex, e aplique algum golpe. “O que será que aconteceu? Será que ele caiu num golpe da internet? O que fizeram com ele? A polícia deve buscar imagens pra saber se ele entrou em algum avião, ou o que aconteceu“, analisou. Ao UOL, ele contou que a última conversa com o marido foi na semana passada, por mensagem.

Que pessoa tem essa benevolência de arcar com 45 dias em Londres? Eu tô chocado. Todos os gastos dele são cobertos por mim“, questionou o arquiteto. Segundo Eder, os dois ainda estão casados.

Continua depois da Publicidade

Relembre essa história

No dia 7 de setembro de 2021, o arquiteto Eder Meneghine chocou 120 de seus familiares e amigos mais próximos com uma reviravolta digna de cinema. Isso porque, durante seu casamento, na Ilha da Gigóia, no Rio de Janeiro, o decorador revelou que havia trocado de noivo. Anteriormente, o empresário estava compromissado com o mineiro Dyl Reis, de 23 anos. No entanto, quem subiu ao altar com Eder foi um velho amor – seu ex-namorado, o chef de cozinha Hugo Oliveira, de 44 anos.

Eder Meneghine casou-se com um ex-namorado, após romper com o noivo na véspera do casamento. (Fotos: Reprodução/G1)

Em um discurso comovente, Meneghine contou o que teria motivado a decisão, que aconteceu menos de 24 horas antes da cerimônia.”Eu errei [durante] vinte anos da minha vida. Errei vinte anos numa coisa que podia ter dado realmente certo”, confessou ele. “Eu tive que trocar os documentos e avisar a vocês o seguinte: eu troquei de noivo. Mas eu troquei de noivo de ontem para hoje. Ontem, às oito horas da noite, eu troquei de noivo. Porque às oito horas da noite, eu percebi que aquela pessoa que estaria aqui agora casando comigo, não seria a pessoa da minha vida”, disse, arrancando gritos de comemoração dos convidados.

“Então eu não hesitei, eu simplesmente troquei. Mas eu vou casar hoje porque eu preciso casar aos 60 anos. Chegou a hora de casar. Então, surpreendentemente, eu convidei o Hugo para casar comigo”, declarou, visivelmente emocionado. Olha só:

De acordo com o arquiteto, por dois meses, ele organizou sua festa dos seus sonhos e desembolsou uma bolada pra isso — foram mais de R$ 250 mil gastos em decoração, estrutura e serviços. No entanto, horas antes do evento, Eder e Dyl tiveram um desentendimento que resultou na separação repentina do casal. “Eu o conhecia relativamente muito pouco. A gente se gostava e eu o levei para morar comigo na minha casa. Com o tempo, tive vontade de fazer essa festa de casamento, como já fiz para muitas pessoas, vários artistas. E eu falei com ele: ‘Vamos casar?’. Só que ele tem 23 anos e eu tenho 60. Eu tinha a intenção de ser feliz. E eu achava que fosse ser”, comentou o carioca.

Continua depois da Publicidade

Mas Menehine não desistiu da tão sonhada festa e foi neste momento que teve uma epifania. Ele procurou o ex-amor, Hugo, com quem manteve uma grande amizade após o término. “Vivi por quase 20 anos com meu grande companheiro, um chefe de cozinha fabuloso. A pessoa responsável até por encaminhar o que eu consegui construir com meus restaurantes. Eu pensei em dar a esse homem, que sempre foi correto comigo, a oportunidade que eu ia dar para uma pessoa que nunca fez nada por mim”, refletiu Eder. “Por que não casar com essa pessoa que sempre foi correta comigo e garantir para ele direitos civis que ele merece?”, concluiu.