Fotojet (25)

Funcionária de loja é feita refém durante assalto em Angra dos Reis, e criminoso é morto por policial à paisana; assista

Na manhã desta quarta-feira (7), uma jovem identificada como Vitória Oliveira foi feita refém durante um assalto, em Angra dos Reis, no Rio de Janeiro. Funcionária de uma loja de telefonia, ela ficou com uma arma 9mm apontada para a cabeça. Apesar da forte tensão, Vitória teve sorte. Um policial à paisana interveio na cena, disparando tiros, que levaram o criminoso à morte.

De acordo com vídeos amadores reunidos pelo UOL, a jovem foi levada para a rua por um dos assaltantes durante a chegada dos policiais. Na gravação, é possível identificar que o criminoso chegou a vestir uma camisa que faz parte do uniforme dos funcionários. O homem aparece completamente desorientado, andando com Oliveira para vários lugares e deixando alguns pedestres desesperados. Um policial é visto armado a poucos metros de distância da dupla, mas até então, sem ameaçar que iria atirar.

Já em outro momento da filmagem, é possível ouvir o barulho de tiros, e em seguida, o assaltante aparece já caído no chão. A publicação relatou que o homem foi cercado e atingido pelos disparos, o que deu a oportunidade para Vitória sair correndo e abraçar um policial. O criminoso não resistiu ao ferimento e morreu no local da ocorrência.

[Atenção! Imagens fortes!] Assista ao vídeo na íntegra:

Em nota, a Polícia Militar informou que o 33º BPM de Angra dos Reis prendeu outros dois suspeitos, que se entregaram, e a vítima foi liberada sem ferimentos. Uma arma foi apreendida. Um terceiro homem envolvido no assalto conseguiu fugir. Foi informado também que um policial à paisana colocou um ponto final nos momentos de tensão que Vitória Oliveira viveu sob a mira da arma do assaltante.

Continua depois da Publicidade

“A Polícia Militar se dirigiu ao local, mas na chegada, um dos criminosos sequestrou uma funcionária e começou a caminhar pela rua. Um policial Civil, que estava de folga, percebeu a cena e ficou de prontidão, se misturando aos populares. Como a situação ficou cada vez mais tensa, esse agente esperou o melhor momento para agir e conseguiu neutralizar o criminoso”, explicou o delegado João Bicudo, da 166 DP.

No Instagram, Vitória Oliveira tranquilizou amigos e familiares. “Quero agradecer a todos pela preocupação e carinho. Estou bem, graças a Deus! No momento, não estou podendo falar, mas assim que as coisas se acalmarem, eu irei responder um por um. Obrigada a todos“, escreveu. A jovem ainda compartilhou um clique do momento em que abraçou um policial, e agradeceu a todos os oficiais envolvidos. “Quero agradecer primeiramente a Deus e a todos os policiais envolvidos, não tenho como expressar a alegria de poder voltar pra casa hoje e ver minha família novamente. 07/07/2021, o dia em que eu nasci de novo”, postou.

208950118 212855340839895 3197436104697312975 N
Vitória Oliveira agradeceu preocupação e torcida. Foto: Reprodução/Instagram