Fotojet (38)

Influenciadora digital mineira é presa em aeroporto acusada de tráfico internacional de cocaína; saiba detalhes

No último dia 5, a influenciadora digital Laís Crisóstomo, de 28 anos, foi presa pela Polícia Federal no Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos, acusada de tráfico internacional de cocaína. O ocorrido se tornou público nesta sexta-feira (13), e de acordo com a Folha de São Paulo, a jovem mineira tentava embarcar para Dubai no momento da apreensão.

A Polícia Federal fazia a inspeção das malas quando encontrou 461 gramas de cocaína dentro de comprimidos, que foram armazenados em potes de suplemento alimentar. O material estava dentro da mala de mão do acompanhante de Laís, um rapaz identificado como Peterson de Sousa Fontes. No entanto, dentro da bagagem também havia pertences pessoais de Crisóstomo.

O agente que colheu os depoimentos dos dois relatou que Peterson não assumiu diretamente que a droga era sua, mas disse que a cocaína era para “uso próprio” e que “todo mundo usa”, tentando amenizar a situação. Ele também destacou que é amigo de Henrique Catoriello, noivo de Laís, e estava fazendo a viagem por um convite do casal, e que a passagem aérea, inclusive, foi paga pelo anfitrião. Segundo Fontes, o material foi recebido na cidade de Promissão, no interior de São Paulo, e que não conseguia identificar ou qualificar quem era a pessoa que fez a entrega.

16288800976116bce197778 1628880097 3x4 Xl
Em uma de suas últimas publicações, Laís disse estar com saudades de Dubai. Foto: Reprodução

Laís Crisóstomo está presa na Penitenciária Feminina da Capital, e apesar de seus advogados terem tentado um “relaxamento” da decisão, a justiça não tinha atendido o pedido. Natural de Montes Claros, a influenciadora afirmou no depoimento que mora em Dubai desde 2020 juntamente com seu noivo, que tem uma casa de câmbio em Dubai. Sócia numa empresa de estética, ela alega que voltou ao Brasil para a inauguração de uma nova unidade do empreendimento e para comparecer ao aniversário de sua afilhada.

Continua depois da Publicidade

A mineira disse não ser usuária de drogas, e que seus pertences estavam na mala de Peterson pois a sua bagagem de mão era muito pequena para caber tudo. Laís se defendeu dizendo que sequer sabia que as drogas estavam ali. Com mais de 400 mil seguidores no Instagram, o sumiço da influenciadora nas redes sociais deixou as pessoas curiosas. Em nota, a Polícia Federal revelou a apreensão de um homem e uma mulher que tentavam embarcar para Dubai, e alguns mais atentos desvendaram a “charada”.

16288809126116c0106bac7 1628880912 3x2 Md
Droga foi colocada em frasco de suplemento. Foto: Reprodução/Polícia Federal

“Começaram a procurar e acharam um pedido de habeas corpus em nome de Laís no site da Justiça”, contou uma fonte ouvida pela Folha de São Paulo. “A gente quer acreditar que ela foi envolvida nisso”, acrescentou outro seguidor para publicação. “Tem casa própria, carros bons e estabilidade financeira”, entregou um conhecido de Crisóstomo.