Saudades

Jovem de 18 anos invade escola infantil com facão e mata 3 crianças e 2 funcionárias em Saudades, Santa Catarina

Meu Deus! Nesta terça-feira (4), um jovem de 18 anos invadiu uma escola infantil em Saudades, no Oeste de Santa Catarina em um violento atentado. O rapaz, que carregava um facão, deferiu golpes em adultos e crianças, matando três alunos e duas funcionárias do estabelecimento. O colégio é chamado de Aquarela e atende um público de 6 meses a 2 anos de idade.

Segundo o delegado Jeronimo Marçal Ferreira, da cidade vizinha de Pinhalzinho, o local já foi isolado para que seja realizada a perícia pelo IGP (Instituto Geral de Perícias). “O agressor chegou de bicicleta na escola por volta das 10h portando uma faca grande. Cerca de 30 crianças estavam na escola no momento e ele invadiu uma sala de aula onde tinham quatro crianças, a professora e mais uma funcionária da escola”, relatou.

Escola De Saudades 3 800x600
A área da escola foi isolada para perícia. (Foto: Reprodução/ Imprensa do Povo/ ND)

As outras crianças e professoras se trancaram dentro das salas de aula e evitaram o ataque. Quando os vizinhos ouviram gritos, foram até o local e conseguiram conter o suspeito. “Ele foi contido dentro da escola e naquele momento tentou tirar a própria vida. Os eletrônicos da vítima passaram pela perícia para buscar a motivação desse crime. Ele não tinha ligação com as vítimas e também não tem histórico policial”, explicou o delegado.

O que entendo até o momento é que a intenção dele era fazer a barbárie e o maior número de vítimas possível e tentar suicídio, mas não conseguiu se matar“, disse Marçal. Segundo a família do suspeito, ele não tinha problemas mentais aparentes e seu computador já foi apreendido para perícia. O rapaz foi detido no local do crime e encaminhado ao Hospital Beneficente de Pinhalzinho em estado grave, após golpear o próprio pescoço, abdome e tórax.

Continua depois da Publicidade

Segundo a secretária municipal de Educação, Gisela Hermann, as três crianças, duas meninas e um menino, completariam dois anos de idade no segundo semestre deste ano. Que tristeza! Um dos pequenos e uma das funcionárias da creche chegaram a receber atendimento médico, mas não resistiram aos ferimentos.

“Chegamos lá, uma cena de terror. Consegui entrar na escola. Tinha um cara deitado no chão, mas ainda vivo, uma professora morta, uma criança morta também. A sala estava fechada, não deixaram a gente entrar. Estou em estado de choque. Estamos todos em estado de choque. A gente se solidariza com todas as famílias”, relatou Gisela.

Continua depois da Publicidade

Em pronunciamento, o prefeito da cidade de Chapecó, João Rodrigues, contou que a família do suspeito é conhecida em Saudades. “Não se tem confirmação se foi um surto repentino, ou se foi algo desses jovens de internet. O jovem é de uma família conhecida na cidade, pessoas de bem, não é uma família com problemas. A mãe do garoto está com problemas de câncer. E os motivos, ninguém sabe. Ele foi levado para um hospital da cidade de Pinhalzinho. Ele tentou suicídio e foi ferido pelos populares, para pará-lo, porque ele não ia parar seu ataque“, falou.

Já o prefeito da cidade em que ocorreu o crime, Maciel Schneider, avisou que será decretado um luto de três dias em Saudades, suspendendo as atividades escolares. “É uma tragédia inexplicável. Estamos colocando todas as equipes para dar suporte às famílias. É algo que não tem explicação”, pontuou. Saudades é um município de Santa Catarina, a cerca de 600 quilômetros da capital Florianópolis. A cidade pertence à microrregião de Chapecó e tem 9,8 mil habitantes. Deixamos aqui nossos sentimentos às famílias e amigos das vítimas desse tão triste atentado, que vocês tenham força para suportar as partidas.