Mãe de Quaden Bayles, menino que sofreu bullying por ter nanismo, desmente boatos de que filho seria um adulto; Entenda

Ainda ontem (21), relatamos a história de Quaden Bayles, australiano de apenas nove anos que nasceu com acondroplasia, o tipo mais comum de nanismo. Um triste vídeo publicado por sua mãe, Yarraka Bayles, na última quarta (19), mostra o menino chorando e pedindo para morrer após sofrer bullying na escola.

O caso teve enorme repercussão e chamou atenção de celebridades como Hugh Jackman, que deixou um recado em vídeo para o menino nas redes, e o comediante estadunidense Brad Williams, que também tem nanismo. Pessoalmente sensibilizado pelo caso, o ator abriu uma vaquinha online e arrecadou (até a publicação desta matéria), US$ 453,5 mil, cerca de R$ 2 milhões, em apenas três dias.

Diante disso, pessoas muito maldosas criaram perfis falsos nas redes, na tentativa de lucrar com o caso de Quaden. Outra “confusão” se iniciou também por conta de uma publicação feita no perfil – agora deletado – do menino no Instragram. No dia 18 de janeiro, Yarraka postou uma foto da festa de aniversário de 18 anos de um amigo da família e, mesmo deixando claro do que se tratava, alguns internautas começaram a espalhar online que Bayles seria, na verdade, o aniversariante, e que estaria mentindo sobre sua idade para se promover e ganhar dinheiro.

(Foto: Reprodução)
“Ele enganou a todos. Ele tem 18 anos, tem muito dinheiro e todos caíram nessa. Se eu estiver errado, por favor, me expliquem isso: Ele é uma celebridade no Instagram e deletou as legendas das fotos de sua festa de 18 anos”, escreveu um usuário no Twitter. (Foto: Reprodução)

Antes de ser excluída, a conta @Quadosss avisou aos seus 226 mil seguidores que tomassem cuidado com os perfis e notícias falsas espalhadas por aí. Segundo o Daily Mail, o post indicava os tais usuários e dizia: “ATENÇÃO! CONTAS FALSAS! POR FAVOR DENUNCIEM O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL”.

A sra. Bayles, por sua vez, também compartilhou um post nas mídias sociais, criticando as teorias da conspiração sobre seu filho. A publicação foi escrita por uma mulher que conheceu Quaden antes do vídeo dele se tornar viral. “Sim, ele tem nove anos. Nanismo não é uma piada. Ele é modelo ou ator? Sim, assim como muitas crianças… isso não significa nada. A mãe dele deixou o cargo porque estava sobrecarregada e enfurecida com o assédio moral. Eu a entendo ao máximo. Ela nunca pediu por dinheiro… Eles nunca disseram que estavam falidos. Eles nunca pediram isso”, lia-se no texto.

Prova de que Quaden tem sim a idade informada inicialmente, são as entrevistas concedidas pela mãe do garoto no passado, como por exemplo, essa de 2015 para um programa da Australian Network Ten. Nela, Bayles foi descrito como tendo quatro anos de idade.

Nesse outro vídeo, do mesmo ano, Quaden aparece num episódio do programa chamado “Living Black”, se preparando para uma cirurgia no cérebro e na coluna. Mais uma vez, a apresentadora Kayla Grant descreve o garoto como uma criança de quatro anos.

Por fim, a mãe do menino tem um álbum de fotos do filho no Facebook, que mostra registros dele desde o seu primeiro ano de idade, em 2011. Conclusão: Quaden Bayles é sim um garoto de 9 anos de idade que sofre de nanismo. É lamentável que algumas pessoas estejam tentando desviar o foco de sua campanha anti-bullying para atacar a idoneidade dele e de sua família.

(Foto: Reprodução/Facebook)