‘De Férias com o Ex’: Episódio tem expulsão, pedido de desculpas, ataque de fúria e ameaças de Bifão: ‘Você vai pedir pra sair!’

No episódio desta quinta-feira (27) de “De Férias com o Ex”, pudemos acompanhar a expulsão do participante Pedro Calderari e suas repercussões. O carioca foi eliminado do programa após agredir Stéfani Bays com uma cuspida na cara e uma cotovelada, que por pouco não a atingiu. No entanto, ela não encontrou paz por muito tempo: Jhenyfer Dulz, a Bifão, ficou extremamente indignada que seu amigo havia sido expulso, e foi tirar satisfações com Stéfani, sua rival desde o primeiro dia de reality show.

“Agora você se prepara, que eu vou fazer da tua vida aqui dentro um inferno. Do mesmo jeito que ele saiu, você vai pedir pra sair. Eu sou mulher, e você vai pedir pra sair dessa merda”, ameaçou. Stéfani protestou, afirmando que não havia feito nada, e a chef de cozinha respondeu: “Você vai pedir pra sair dessa merda, porque se você não tivesse provocado na brincadeira nada disso teria acontecido. Você tá entendendo, né?”. Gente!

(Foto: Reprodução/MTV)

Com toda a confusão, Miguel Curi decidiu acalmar os ânimos e instruiu Stéfani a não responder a outra participante, que estava completamente alterada. Isto fez Bifão ficar ainda mais furiosa: “Cala a boca, seu escroto que agarra mulher. Vai tomar no seu cu também. Vai se foder”. “Queria que fosse cuspido na tua cara”, ele disse em retorno. E ela retrucou: “Foda-se, pelo menos eu não puxo mulher pra beijar à força, seu otário do caralho. Vai tomar no meio do olho do teu cu”.

Após a discussão enervante, Stéfani cansou das ameaças e foi chorar no quarto, sozinha. No entanto, ela recebeu o apoio de todos da casa, inclusive Tati Dias, com quem já teve diversas brigas, e foi abraça-la no momento de desespero.

Até mesmo os amigos de Pedro foram contra sua atitude. “Nem no chão é legal cuspir. Você cuspir na cara de alguém?”, disse Gui Leonel. Cleber Zuffo, o Livinho, também opinou (anteriormente, ele já havia discutido com Pedro sobre a situação): “Não consigo ver uma coisa dessas e ficar quieto”. “Coisa de covarde. Bunda mole, na moral”, afirmou Miguel. Bruno Mooneyhan admitiu que, se alguém cuspisse nele, não ficaria quieto. “Não tem como tirar e esquecer o que ele fez, porque realmente foi um ato bem ofensivo”, Gabriel Aglio tirou sua conclusão.

A ficante de Pedro, Fábia Calazans, se mostrou muito chateada com atitudes do carioca — tão chateada que confessou querer deixar o programa. “O pior é ter transado com uma pessoa, ter ficado com a pessoa, ter confiado em alguém, acreditado… Alguém que não é o que parece ou que diz que é. Ela [Stéfani] só falou a verdade ali no jogo. E eu escutei várias pessoas falando várias coisas que aconteceram e que eu nem imaginava que tinha acontecido”, observou.

Além disso, o episódio mostrou Pedro, antes da expulsão, desculpando-se com Stéfani por sua agressividade. Apesar de aceitar o pedido, ela deixou seu posicionamento claro: “Me senti muito agredida, ainda mais comparada a força de um homem com a minha. Lá no fundinho aquela humilhação ainda está lá, porque eu me senti muito humilhada.”. Veja o episódio completo, clicando aqui.

Entenda o caso

No episódio do dia 20, o participante Pedro Calderari foi expulso por agredir verbalmente e fisicamente Stéfani Bays. O empresário perdeu o controle após uma brincadeira entre o grupo e agiu de modo violento com a colega de confinamento, chamando-a de “vagabunda”, cuspindo em seu rosto e proferindo uma cotovelada em sua direção (que não atingiu a participante). Assim, a MTV decidiu eliminá-lo do programa.

Os ânimos se exaltaram após um jogo entre os participantes de verdade ou mentira. As rodadas eram feitas em duplas, e a ação principal da brincadeira era girar uma garrafa. Quem ficasse com o bico do objeto apontado para si, precisava contar dois momentos que teriam ocorrido dentro do programa, um verdadeiro, e outro de mentirinha. Quem ficasse com a base, deveria identificar corretamente qual era a situação certa, e qual era a situação errada.

“Eu dei ‘PT’ na primeira festa e a segunda foi o Pedrinho tentar me agarrar no banheiro escondido”, afirmou Stéfani para Fábia Calazans. No entanto, o rapaz citado sequer deixou sua ficante responder; furioso, ele esqueceu a brincadeira e disse: “Tentei agarrar o caralho. É pra falar, então vou falar. Me chamou na cozinha…”. Pedro foi interrompido pelos outros participantes, que não queriam que ele estragasse o jogo.

Mesmo depois do ocorrido, Fábia ainda tentou pela primeira opção: “A verdade é que tu deu PT na primeira festa”. “Não”, Stéfani frustrou a colega. Lary Bottino foi a próxima, e contribuiu para a fúria de Pedro: “Eu dei pro Livinho [Cléber Zuffo] ontem de madrugada depois que todo mundo dormiu. E o Pedrinho deu beijo triplo hoje na Sté e na Karina [Sousa, nova participante]”.

Tati Dias acrescentou: “O Gabriel [Aglio] não sabe beber e quando bebe só fala bosta atrás de bosta e não respeita ninguém. E o Pedro me deu só dois beijos hoje na piscina”. Neste momento, Fábia já estava bastante constrangida, e decidiu ir para o quarto chorar. “Eu fiquei sabendo de coisas na brincadeira que eu não saberia. Aquilo ali me deixou chateada”,explicou.

Após ter todos os seus “podres” expostos para o grupo, Pedro tirou satisfações com as participantes. “Foi desencadeando uma coisa dentro de mim”, justificou para as câmeras. Lary, sua ex-namorada, foi encurralada contra a parede pelo carioca. “A Fábia tá magoada por causa de uma merda que eu fiz e que você jogou pra cima de todo mundo por influência da filha da puta da Stéfani. Você tem que pensar antes de fazer merda. Foda-se, vai tomar no cu”, falou com grosseria. Em seguida, ele foi para a cozinha, à procura de Stéfani.

“A próxima vez que você quiser sacanear a Fábia, você não me usa não, tá?”, ordenou. “Eu não quis sacanear ninguém, eu só fui sincera no jogo da verdade e mentira”, Stéfani disse em resposta. Furioso, Pedro afirmou: “Você é uma filha da puta”. “Eu não sou filha da puta”, ela respondeu. “Para de graça. É uma filha da puta sim. Vai tomar no seu cu”, gritou. Após o ataque, Pedro decidiu sair da cozinha, e Stéfani foi atrás. Então, ele proferiu uma cotovelada em sua direção, que não a atingiu, e cuspiu em seu rosto.

“Vai se foder. Você não cospe na minha cara, seu filha da puta. Mano, ele cuspiu na minha cara. Tá achando o quê? Seu covarde do caralho? Seu escroto!”, Stéfani xingou, incrédula com os últimos acontecimentos. “Eu sou covarde? Sua vagabunda!”, Pedro berrou em resposta. “Eu falei uma verdade, tá provado para todo mundo ver. Aí ele cospe na minha cara e me bate? O que é isso velho?”, ela indagou, enquanto era afastada do empresário pelos outros participantes.

O episódio do programa acabou por aí, mas a MTV revelou a expulsão de Pedro no final, enquanto exibia a prévia da continuação. Entre as cenas mostradas, Sarah Fonseca lê o Tablet do Terror com a mensagem da eliminação do rapaz: “Pedro, por este motivo suas férias terminam aqui. Saia da casa imediatamente”.

Procurado pelo site “Notícias da TV”,  o canal justificou que a expulsão de Pedro se deu por descumprimento de uma cláusula contratual, que determina a saída imediata em casos de agressões físicas: “A MTV declara que a eliminação de Pedro Calderari, integrante do elenco da quarta temporada do reality show De Férias com o Ex Brasil, ocorreu por conta de uma atitude desrespeitosa durante uma discussão, além de descumprimento de regras de participação, o que implicou na retirada do participante da casa e consequente eliminação do programa”. 

Que tenso, né? Assista ao momento abaixo: