Polícia acredita que casa de Mac Miller passou por limpeza antes de investigação, diz TMZ

O TMZ continua acompanhando a investigação sobre o falecimento do astro Mac Miller nesta sexta-feira (7) após uma aparente overdose. O site informou neste sábado (8) que os policiais não acharam vestígios de uso de drogas na casa do rapper, onde ele foi encontrado sem vida.

Fontes da polícia disseram ao TMZ que encontraram apenas uma pequena quantidade de pó branco quando procuraram por pistas sobre o falecimento de Miller. Os oficiais também acreditam, com base em conversas com testemunhas e outras evidências, que a residência passou por uma limpeza antes da investigação, já que não acharam medicamentos e equipamentos para uso de drogas ilícitas.

Como falamos aqui, a publicação informou que as autoridades foram alertadas por um amigo de Miller, que fez uma ligação para o serviço de emergência. Os informantes do site afirmaram que não faz sentido para eles que alguém que consumisse uma dose fatal de drogas tivesse a perspicácia de recolher as parafernálias para uso das substâncias antes de falecer.

Que ele descanse em paz! :( (Foto: Rich Fury/Getty Images)

De acordo com o TMZ, havia pessoas na casa de Mac na quinta (6) à noite e na sexta-feira (7), por volta da hora em que alguém ligou para o serviço de emergência. Segundo os policiais, ninguém disse que viu Mac vivo depois da noite de quinta-feira.

*LEIA TAMBÉM
Famosos comentam nas redes sociais a morte de Mac Miller

Família de Mac Miller fala sobre a morte do cantor: ‘Ele era uma luz brilhante neste mundo’

Segundo site, Mac Miller trabalhava em nova música horas antes de morrer; ouça!

Segundo a People, Mac passou sua última noite assistindo a futebol americano com amigos. “Ele amava os Steelers e tinha saído com os amigos para assistir o jogo na noite passada“, disse uma fonte da revista. “Todos com quem ele trabalhou sabiam que ele era delicado, mas achavam que era por causa do novo álbum, nervosismo, e não coisas desse tipo”, acrescentou.

Miller lançou recentemente seu quinto álbum de estúdio, o “Swimming”, em 3 de agosto deste ano. “Na festa de lançamento em Nova York, ele ficou feliz em tirar fotos, nós sentimos que ele estava de volta. Ele nem estava bebendo. Ele era um grande artista; todos o amavam“, disse o contato da People.

Miller foi declarado morto às 11h51 desta sexta em sua casa em Studio City, no San Fernando Valley, em Los Angeles. O rapper enfrentava problemas com abuso de substâncias desde o término de seu namoro com a cantora Ariana Grande. Nas redes sociais, inúmeros amigos famosos como Ed Sheeran, Shawn Mendes, Charlie Puth e Chance The Rapper prestaram homenagens ao jovem músico.

A família do rapper fez um pronunciamento no início da noite: “Malcolm McCormick, conhecido e adorado pelos fãs como Mac Miller, faleceu tragicamente aos 26 anos de idade. Ele era uma luz brilhante neste mundo para sua família, amigos e fãs. Obrigado por suas orações. Por favor, respeitem nossos privacidade. Não há mais detalhes sobre a causa de sua morte neste momento”.

Que tristeza, gente!