Ellen DeGeneres, Taylor Swift, Kardashians e jogadores brasileiros lideram lista das contas com mais ‘seguidores fake’; Veja os números

Já sabemos que o Instagram e o Twitter estão repletos de contas fake – os famosos ‘bots’ ou ‘robôs’ – mas o que não imaginávamos é que grande parte dos seguidores das super celebs é formada por eles. Um estudo realizado pelo Instituto de Performance de Música Contemporânea de Londres analisou a porcentagem de follows falsos de cada famoso e obteve um resultado chocante.

Os estudiosos descobriram que vários artistas e atletas têm mais de 40% de contas fakes entre seus seguidores no Instagram e no Twitter e divulgaram as 100 contas com mais seguidores falsos das redes. Em primeiro da lista, temos o jogador de futebol alemão Toni Kroos, com 51% de robôs entre os follows. Surpreendentemente, ele é seguido de perto por Ellen Degeneres, que não pode contar com cerca de 49% dos seus seguidores.

Entre o Top10 da lista ainda temos três brasileiros: Philippe Coutinho em quinto lugar (48%), David Luiz em sétimo (46%) e Neymar em nono (46%). Junto a eles, o BTS está em sexto (47%) e Taylor Swift, em 10º (46%). Quem diria, hein? Dá uma olhada no dez primeiros abaixo:

Três brasileiros estão entre as contas com maior número de seguidores falsos (Foto: Reprodução/ICMP)

Em peso no estudo também estão as Kardashians! Kourtney é a irmã com maior porcentagem de seguidores falsos, 46%, e entrou em oitavo na lista. Khloé está em 21º lugar, com 43% e é seguida de perto por Kim Kardashian em 26º, com a mesma porcentagem. Kris Jenner está em 29º (42%), Kendall em 58º (34%) e Kylie em 65º (33%).

O estudo britânico se baseou em várias listas de contas “mais seguidas” e “mais bem sucedidas” da internet em relação a personalidades da atuação, do esporte, da música e da TV. Os especialistas, então, filtraram as contas encontradas por número de seguidores até chegarem ao Top 100. A partir daí eles usaram as ferramentas “IG Audit” e “Sparktoro’s fake Twitter follower’s tool” para medir a porcentagem de seguidores reais de cada conta. Confira a lista completa aqui.

A análise traz uma reflexão importante sobre as marcas não poderem se basear só no número de seguidores ao pagar para um artista fazer propaganda em seu Instagram. Kim Kardashian, por exemplo, cobra cerca de 500 mil dólares (quase 2 milhões de reais) para cada publipost na rede social. De acordo com o site “Inquisitr”, um especialista revelou que, em 2017, cerca de um quarto do lucro das irmãs Kardashians-Jenner veio de publicações patrocinadas no Instagram. Louco, né?