Hugo Camila Cabello

Exclusivo! Camila Cabello fala a Hugo Gloss de hit e álbum novos, e dá a MELHOR resposta a críticas sobre seu corpo; vem assistir

Bem-vindos à “Familia”: a nova era, cheia de referências, de Camila Cabello! A estrela cubana bateu um papo com Hugo Gloss sobre seu novo álbum e contou tudo dessa imersão em suas raízes latinas. A cantora também falou sobre como foi o processo de composição na quarentena, revelou se tem planos para uma turnê mundial, abordou seu trabalho como a nova “Cinderela” e ainda deu uma resposta afiada às críticas ao seu corpo.

Novo álbum, novos hits e muita música latina

Camila abriu os trabalhos de sua nova era com o colorido clipe de “Don’t Go Yet”, que traz uma série de elementos das icônicas telenovelas latinas, e do cinema de Almodóvar. Segundo a estrela, a ideia do clipe surgiu de uma típica confraternização familiar. “Eu tive um jantar com vários amigos, eu cozinhei, nós comemos, estava delicioso, e aí tocamos um pouco de reggaeton e dançamos na cozinha. Eu comecei lavando a louça e terminei rebolando na cozinha. A inspiração foi esse sentimento, de quando você está com a sua família, com a família que você escolheu, os seus amigos, pessoas próximas”, disse ela, citando um show do rapper C. Tangana como outra de suas referências.

Continua depois da Publicidade

A cantora ainda assume: “Com certeza esse é o projeto do qual tenho mais orgulho… Até agora!”. Cabello prometeu muitas músicas em espanhol e disse ter se alegrado muito ao compor na sua língua materna. “Foi a primeira vez que compus algo em espanhol, foi muito divertido e muito interessante. Eu só havia composto em inglês até então. Improvisar com o microfone em espanhol é bem diferente e divertido. E eu trabalhei com um compositor maravilhoso chamado Edgar. Tentei fazer coisas diferentes, porque isso é o que me inspira como artista. Como a combinação de música latina com palavras em inglês e vice-versa, sabe o que quero dizer?”, explicou.

Ela também refletiu sobre a sensação de mergulhar na música latina e remeter às suas origens. “Ouvindo isso, estando em Miami perto da minha família, eu sinto que amo a minha cultura e me sinto muito próxima dela. Me sinto mais ‘eu mesma’ quando estou falando em espanhol, por mais que o meu vocabulário seja melhor em inglês. Mas tem algo especial sobre isso, foi a minha língua materna, foi onde eu morei até os sete anos de idade… Então, aludir a isso e ter essa volta às origens é algo bem natural para mim”, declarou Cabello.

Continua depois da Publicidade

Trabalho na quarentena e retorno aos palcos

Durante a quarentena pela pandemia da Covid-19, Camila teve de trabalhar em sua casa, em Miami, com uma equipe bem reduzida. No entanto, ela garante que “foi completamente diferente, mas foi muito melhor”. “Era só o violão, o piano e o microfone, e fizemos músicas dessa forma. Foi algo muito íntimo, não precisei trabalhar com várias pessoas diferentes, era sempre o mesmo grupo”, recordou ela. Esses fatores fizeram com que o trabalho em suas novas músicas fosse muito mais intimista: “Foi algo muito pessoal, um pequeno grupo de pessoas, e acho que isso fez com que ficasse muito melhor. Foi muito melhor para mim”.

Agora, com a reabertura do setor cultural nos Estados Unidos, Camila ainda é bastante cautelosa sobre sair em turnê mundo afora. “Estou vivendo um dia após o outro. Claro que com certeza quero viajar, ver meus fãs e me apresentar. Mas estou levando as coisas aos poucos, não estou pronta para me comprometer com uma grande turnê nesse momento, preciso poupar minha saúde mental. Então é isso, estou vivendo um dia de cada vez. Veremos”, contou ela.

Críticas ao seu corpo

Recentemente, Camila foi vítima de bodyshaming – ou seja, seu corpo foi alvo de uma série de críticas. Mas a cantora deu uma ótima resposta defendendo a liberdade de ter corpos reais, dizendo que é grata pelo seu corpo. “Estar em guerra com seu corpo é tão ultrapassado. Sou grata por esse corpo que me deixa fazer o que preciso. Somos mulheres reais, com curvas, celulites, estrias e gordura. Nós temos que aceitar isso”, defendeu ela, em um vídeo no TikTok.

Questionada sobre o assunto durante a entrevista, Cabello teve a melhor reação. “Você quer dizer tipo… Nossa, os meus peitos parecem enormes desse ângulo. [risos] Já que estamos falando do meu corpo, olha eles aqui. Eu estou ótima, bem abençoada [risos], afirmou ela.

Continua depois da Publicidade

Na sequência, a estrela fez um discurso certeiro, rebatendo esse tipo de ataque. “Eu acho que, honestamente, as mulheres têm que mandar essas pessoas se f*derem. Porque é algo tão fora da realidade pensar que as mulheres são fotos de Instagram ambulantes, cheias de Photoshop. É claro que nós não somos isso. Nós somos seres humanos de verdade, por mais que o mundo não queira nos ver dessa forma”, declarou.

Nova “Cinderela”

Outra novidade na carreira de Camila é seu trabalho em “Cinderela”, no qual a artista assume o papel da lendária princesa. O longa estreia em 3 de setembro e, segundo Cabello, traz uma roupagem completamente diferente pra icônica gata borralheira. “Vocês podem esperar se sentirem empoderados, inspirados, rir bastante e ter vontade de dançar e cantar. É uma nova versão de ‘Cinderela’, é uma história completamente diferente e foi adaptada para 2021. É a versão empoderada, confiante e ambiciosa da Cinderela”, antecipou a estrela. Vem aí!

Assista à entrevista na íntegra abaixo: