Acidentalmente, Halsey pede pela “ruína” do One World Trade Center, prédio construído após o 11 de setembro; Cantora justifica mal-entendido

Que confusão! Dias após a estreia de seu novo álbum, “Manic”, Halsey resolveu rebater as críticas negativas do Pitchfork – site renomado dedicado às avaliações de produções musicais. Contudo, após um mal-entendido, a cantora desejou, sem querer, que o One World Trade Center desmoronasse – o edifício foi construído depois do atentado terrorista de 11 de setembro de 2001, no lugar das torres gêmeas. Vixe!

Tudo começou com a crítica do Pitchfork sobre o “Manic”. “Muito desse álbum soa como o pop amorfo que você talvez associe com uma corrida miserável no Lyft [aplicativo de transporte]”, escreveu o site no Twitter, avaliando a produção de Halsey com uma nota 6,5.

Halsey não ficou muito contente com a avaliação recebida pelo seu álbum (Foto: Getty)

A cantora não se conteve e logo resolveu devolver o comentário à altura! “Será que o porão em que eles operam o Pitchfork não pode apenas desmoronar?”, rebateu. Porém, Halsey não sabia de algo crítico nessa história toda: o escritório do site está sediado no One World Trade Center. É, péssima coincidência… Confira:

Enquanto esse aspecto passou despercebido por alguns, um repórter da NBC News logo manifestou seu choque. “Perdendo a cabeça aqui pensando na pessoa da equipe da Halsey que teve de dizer a ela que ela acabou de pedir pela ruína do One World Trade”, escreveu Ben Kesslen. Por fim, a polêmica reclamação de Halsey foi deletada.

Com o caos armado, Halsey se pronunciou novamente e explicou a confusão. “ABSOLUTAMENTE deletei [o tuíte] ao me dar conta disso. Eu estava só tentando fazer uma piada! Não queria causar nenhuma mágoa”, respondeu ela. “Apenas pensei que poderia cutucá-los de volta com o mesmo comportamento passivo-agressivo esnobe com que eles alfinetam os artistas! Claramente um mal-entendido”, concluiu. A estrela de “New Americana” também excluiu o segundo esclarecimento. Mas olha só:

Após a confusão, Halsey também resolveu pedir desculpas pelo mal entendido – contudo, apagou a publicação. (Foto: Reprodução/Twitter)

Que encrenca, gente… Voltando ao tópico principal, você acredita que as críticas fizeram sentido? Se sim ou não, é hora de tirar suas próprias conclusões. Ouça o álbum “Manic” na íntegra aqui: