Fotojet (42)

Alec Baldwin dá primeira entrevista após morte de Halyna Hutchins, e faz desabafo: “Era minha amiga” – assista!

Neste sábado (30), Alec Baldwin falou pela primeira vez a respeito da morte da diretora de fotografia do filme “Rust”, Halyna Hutchins. O ator foi o responsável pelo tiro acidental que matou a colega de trabalho, e ainda feriu o diretor do longa, Joel Souza.

Perseguidos por paparazzi desde o acontecimento, no dia 21 de outubro, Alec Baldwin e a esposa, Hillaria, foram emboscados neste final de semana na cidade de Manchester. O casal precisou parar o carro numa rodovia e finalmente falar com os profissionais para poder conseguir seguir o trajeto em paz. “O que vocês querem saber?”, começou o ator, visivelmente abatido e irritado com a situação invasiva.

Um primeiro paparazzi questionou sobre o andamento das investigações. “Eu não estou autorizado a fazer nenhum comentário, porque a investigação ainda está acontecendo. Eu fui orientado pelo xerife de departamento a não responder a nenhuma pergunta sobre a investigação em que uma mulher morreu. Ela era minha amiga”, começou Alec, acrescentando que no dia em que chegou em Santa Fé, cidade onde o filme era gravado, ele a levou para jantarem juntos.

Continua depois da Publicidade

“Éramos uma equipe muito bem treinada fazendo um filme juntos, e então esse evento horrível aconteceu”, lamentou Baldwin, reforçando em seguida mais uma vez que não poderia falar sobre as investigações. Uma outra pessoa questionou se o artista tinha se encontrado com algum familiar de Halyna Hutchins, mas se esqueceu do nome da diretora, o que irritou muito Hillaria Baldwin. “O nome dela era Halyna! Se vocês estão gastando isso tudo esperando por nós, vocês deveriam saber o nome dela!”, disparou.

Alec
Alec Baldwin chegou a publicar uma foto no Instagram, em que aparecia caracterizado no set e com sangue em suas vestes. A publicação, entretanto, foi apagada após a tragédia. (Foto: Reprodução/Instagram)

Assim como já era de conhecimento geral, Alec Baldwin confirmou que esteve com o marido e o filho da profissional. Questionaram como o artista avaliaria o encontro, deixando Hillaria ainda mais revoltada e tentando encerrar a entrevista, mas foi impedida pelo marido. “Eu não sei como categorizar isso. O cara está dominado pela dor. Ocorrem acidentes em sets de filmagem de tempos em tempos, mas nada parecido com isso. Este é um episódio em um trilhão”, disse. O astro revelou que sua família está em constante contato com o marido de Hutchins e prestando toda a assistência possível.

“Estamos aguardando ansiosamente o Departamento do Xerife nos dizendo o que sua investigação revelou”, falou. Sobre a possibilidade de nunca mais atuar em um filme que utilize armas de fogo, Baldwin respondeu: “Eu sei que um esforço contínuo para limitar o uso de armas de fogo em sets de filmagem é algo em que estou extremamente interessado. Mas lembre-se, algo que considero importante é quantas balas foram disparadas em filmes e programas de TV nos últimos 75 anos? Esta é a América. Quantas balas foram disparadas, quase todas sem incidentes”.

Continua depois da Publicidade

Alec Baldwin ressaltou que depois de um acontecimento trágico como o que ocorreu no set de “Rust”, as coisas não podem simplesmente continuar como antes. “É urgente que você entenda que não sou um especialista neste campo, então o que quer que as outras pessoas decidam sendo a melhor maneira de fazer em termos de segurança das pessoas em sets de filmagem, sou totalmente a favor e cooperarei com isso em qualquer maneira que eu posso”, garantiu.

O ator e a esposa se negaram a responder por qual motivo foram para outra cidade, e encerraram pedindo aos paparazzi para pararem com as perseguições. Quase sempre acompanhados pelos filhos, o casal alegou que as crianças ficam chorando ao verem que o carro está sendo seguido. “Nós demos a vocês tudo”, finalizou.

Primeiro pronunciamento de Alec Baldwin

No dia 22 de outubro, Alec Baldwin se manifestou publicamente pela primeira vez. Em seu Twitter, o ator lamentou e se disse “chocado” com o acontecido, que culminou na morte da diretora de fotografia Halyna Hutchins. “Não existem palavras para traduzir meu choque e minha tristeza em relação a esse trágico acidente que tirou a vida de Halyna Hutchins, uma esposa, mãe e nossa profundamente admirada colega. Estou cooperando totalmente com a investigação da polícia para entender como essa tragédia ocorreu“, escreveu o astro.

Continua depois da Publicidade

Estou em contato com seu marido, oferecendo meu apoio para ele e sua família. Meu coração está quebrado por seu marido, seu filho, e todos que conheciam e amavam Halyna“, finalizou o comunicado.