Anitta relembra as duas vezes em que sofreu por amor, revela semelhanças com ‘novo’ irmão, e entrega super mico na frente de ex: ‘Muito louca’

Sincerona! Em entrevista divulgada hoje (12) no canal do YouTube de Matheus Mazzafera, nossa rainha Anitta encarou diversas perguntas e revelou várias curiosidades sobre sua carreira e vida pessoal! Uma delas foi: sofrer por homem. Ninguém é de ferro, né?!

De cara, Matheus perguntou como surgiu a ideia da parceria com Marília Mendonça e elogiou o tema da música. “Quem nunca sofreu por homem?”, disparou ele. “Eu já sofri uma vez. Duas vezes só! De ficar mal, uma vez. De ficar meio mal, mais uma”, respondeu a poderosa. Quem ousou partir o coração de Anittinha, hein?!

Aproveitando o assunto, Mazzafera quis saber qual era o porto seguro da cantora e de imediato, ela avisou: “Ah, minha família!”. Anira também aproveitou para falar sobre a descoberta recente do seu novo irmão, Felipe Terra. “Eu fiquei super feliz! Eu amo família. Família é algo que me pega, assim. É meu ponto forte e fraco ao mesmo tempo. Sempre quis ter mais e mais [parentes]. Fiquei super feliz, tô amando!”, comemorou a artista.

“Descobri que tenho uma sobrinha! Foi tudo um sonho! Estou vivendo um sonho… Eles são evangélicos e não me conheciam! Mas ele (irmão) é super respeitoso com tudo. Independente da religião dele, a gente conversa sobre tudo! Ele se parece comigo antes das plásticas”, brincou.

 

Já quando o assunto é trabalho, a diva contou que “quase tudo lhe irrita”. “Me irrita lentidão, quando tenho que falar 30 vezes a mesma coisa, atraso… Detesto fazer as pessoas me esperarem, odeio! Prefiro que eu espere, não gosto que ninguém me aguarde“, explicou.

Por outro lado, na vida pessoal, nadinha de nada incomoda a popstar. Nem mesmo pagar aquele micão em frente ao crush! “Já passei tanta vergonha, faço tanta coisa ‘uó’. Já vomitei no carro de um namorado porque fiquei muito bêbada! Vomitei, no carro novo… Depois que a gente chegou em casa, eu vomitava, fazia xixi e falava ‘calma que depois a gente vai transar’. E ele ‘não, acho que a gente não vai, hoje não é legal’. Eu não sabia beber, comecei aos 23 anos e tenho 26. Estava muito louca, estava aprendendo ainda”, relembrou. Kkk Que situ, hein!

Assista ao vídeo completo abaixo: