Após críticas de Anitta, dicionário altera definição de “patroa” e cantora comemora: “Feito”

As definições de “patroa” foram, literalmente, atualizadas. Ainda na semana passada (9), Anitta foi às redes demonstrar sua indignação com o significado do termo, encontrado por ela em uma busca no site de pesquisas, Google, com fonte do Oxford Languages.

A palavra, em sua versão masculina, é definida como “proprietário ou chefe de um estabelecimento privado comercial, industrial, agrícola ou de serviços, em relação aos seus subordinados; empregador”, enquanto que a feminina, recebia a seguinte explicação: “mulher do patrão” e “dona de casa”.

Continua depois da Publicidade

“Que p*rra é essa, mano? Vá para a ponte que pariu, porque patroa é a mesma coisa que está escrito lá no patrãoDona e proprietária do cac*te que eu quiser. Mano do céu, inacreditável. Não tô acreditando que isso está no nosso dicionário”, irritou-se a cantora.

View this post on Instagram

Que história é essa, minha gente? Anitta usou os Stories nessa quarta-feira (9) para mostrar sua revolta com a definição da palavra “patroa” no site de buscas Google. A cantora percebeu que, enquanto “patrão” é descrito como “proprietário ou chefe de um estabelecimento”, o feminino da palavra é explicado como “mulher do patrão” ou “dona de casa”. “Que porr* é essa, mano? Vá para a ponte que pariu. Porque patroa é o feminino da mesma coisa que está escrito lá no patrão! Dona e proprietária do cac*te que eu quiser! Mano do céu, inacreditável. Não tô acreditando que isso está no nosso dicionário”, desabafou. Um absurdo mesmo, né? [ATUALIZAÇÃO: Após a repercussão do caso, o Google se pronunciou sobre o assunto. "Quando as pessoas pesquisam por definições de palavras na Busca, frequentemente, elas desejam informações de maneira rápida. Por isso, trabalhamos para licenciar conteúdos de dicionários parceiros, neste caso da Oxford Languages. Não temos controle editorial sobre as definições fornecidas por nossos parceiros, mas reconhecemos a preocupação neste caso e vamos transmiti-la aos responsáveis pelo conteúdo”, afirmou o comunicado da empresa] (📷: @anitta)

A post shared by Hugo Gloss (@hugogloss) on

Após a repercussão do caso, o Google se pronunciou sobre o assunto. “Quando as pessoas pesquisam por definições de palavras na Busca, frequentemente, elas desejam informações de maneira rápida. Por isso, trabalhamos para licenciar conteúdos de dicionários parceiros, neste caso, da Oxford Languages. Não temos controle editorial sobre as definições fornecidas por nossos parceiros, mas reconhecemos a preocupação neste caso e vamos transmiti-la aos responsáveis pelo conteúdo“, afirmou o comunicado da empresa enviado ao hugogloss.com.

Nesta quinta-feira (17), o site atualizou a definição como prometido. Agora, “patroa” vem acompanhada da seguinte descrição: “proprietária ou chefe de um estabelecimento privado comercial, industrial, agrícola ou de serviços, em relação aos seus subordinados; empregadora. Por extensão: a chefe de uma repartição pública”. Agora sim! Anitta também celebrou a mudança, em seus Stories. “Feito”, declarou ela.

O novo significado apresentado à palavra patroa. (Foto: Reprodução/Instagram)

A reclamação da carioca deu início a uma discussão nas redes sobre machismo. Luísa Sonza, por sua vez, foi outra artista a mostrar descontentamento com as divergências de significado entre os termos “mulher solteira”, apresentado no site como “prostituta ou meretriz”, e “homem solteiro”, definido simplesmente como alguém que “ainda não casou”.

Agora, quando buscado o significado de mulher solteira, o site não apresenta resultados. Muito provavelmente, alterações estejam sendo feitas, como o Google anunciou em nota: “A Oxford Languages está trabalhando na revisão da definição neste momento”.