A três dias de casamento, ex-Fazenda Monick Camargo relata ter sofrido agressões do noivo por recusar orgia, mostra machucados e ameaças: “Vou acabar com ela”; Assista

Meu Deus, que horror! A modelo e empresária Monick Camargo, que participou de “A Fazenda: Nova Chance”, em 2017, foi a público nessa quarta-feira (18) desabafar sobre uma agressão e as ameaças que sofreu do noivo, Roberto Américo, a três dias do casamento deles.

Tudo começou na madrugada de 17 para 18, quando a ex-peoa postou alguns vídeos no Instagram Stories chorando, com o rosto inchado e o dente sangrando. De acordo com Monick, o noivo a teria levado de surpresa para um bordel e a agredido quando ela se recusou a participar de uma orgia.

“Olha aqui. Olha meu dente! Ele me levou para o puteiro sem me avisar, me chamou de puta e ainda me bateu porque eu não quis fazer uma orgia. Está vendo a minha cara, está vendo isso aqui? Foi ele quem fez”, gritou ela, claramente abalada. Veja abaixo:

A publicação foi deletada, mas viralizou e preocupou os seguidores da modelo, que queriam saber sobre o estado físico e emocional dela. Na manhã de ontem, então, ela deu mais detalhes da história e disse que estava na delegacia para denunciar as atitudes do empresário, que já havia virado ex-noivo. “Eu iria casar daqui três dias, mas acabou, né? Não preciso nem falar disso, sem essa possibilidade”, esclareceu.

“Tudo tomou uma proporção que nem eu esperava, não queria estar aqui falando com vocês, ainda mais com essa cara. Só quero agradecer a cada um que mandou mensagens preocupado comigo. Dizer que estou bem, estou na delegacia tomando as medidas cabíveis”, tranquilizou ela. “Eu só queria pedir a compreensão de vocês, quero ficar sozinha. É uma situação muito delicada, era a pessoa que eu estava. Tem coisa que a gente não espera, pensa que vai ser de um jeito, mas acaba sendo de outro”.

Em seguida, ela expressou sua indignação com a quantidade de mulheres que sofrem violência doméstica todos os dias. “Não quero nada de mal pra ninguém, a única coisa que eu quero é justiça. O que eu fico mais chocada é que isso virou tão rotina nesse país que eu já tô há duas horas aqui na delegacia esperando e tem uma fila ali de mulheres, todas na mesma situação que eu”, lamentou. Confira:

Foi então que Roberto Américo resolveu se pronunciar sobre o caso. O empresário expôs alguns arranhões no rosto e hematomas no corpo e disse que foi a ex-noiva que o deixou assim. Ele justificou que não era uma pessoa da mídia e estava gravando o vídeo apenas para se defender.

“A Monick Camargo está dizendo que eu bati nela, eu agredi, ela apanhou. Olha só como está o meu corpo e meu rosto, o quanto que eu apanhei. Estou registrando esse vídeo para me defender”, relatou Américo. “Não sou uma pessoa da mídia, não sou uma pessoa que apareço muito, não sou famoso, não trabalho com Instagram e estou registrando esse vídeo aqui para me defender do ocorrido”.

Algumas horas depois, Monick colocou um ponto final na história e esclareceu que deixou o ex-noivo assim em legítima defesa. “Saí agora da delegacia, já fiz o exame de corpo delito. Eu vi que ele se pronunciou, que tá arranhado e machucado. Realmente ele deve estar mesmo, porque eu não sou trouxa, claro que eu vou me defender. Quem me viu na Fazenda sabe que eu não sou mosca morta e eu não vou aceitar macho me batendo calada. E eu acho que eu não tô errada por isso”, afirmou ela.

Em seguida, a ex-Fazenda disse que os seus machucados também não se limitavam só ao rosto. “Isso que vocês estão vendo é o mínimo, eu tô com marca no corpo inteiro porque ele tava me dando chute, mas eu não preciso provar aqui pra ninguém porque o meu caso eu vou resolver com ele na justiça. Queria que nada tivesse tomado essa proporção, não queria me expor mais do que foi exposto, mas eu me sinto na obrigação de me defender”, explicou.

Monick e Roberto noivaram em setembro (Foto: Reprodução/Instagram)

A modelo então publicou uma série de prints de ameaças que Roberto fez a ela em uma conversa com seu irmão. Na conversa, o empresário dizia coisas como “fala que eu vou acabar com ela”, “Eu vou acabar com a vida da vagabunda da sua irmã, pode ter certeza disso” e falava que não ia pagar a dívida de R$ 140 mil que fez no cartão dela.

“Não conte comigo pra pagar nada essa piranha. O que foi? Ela é uma puta, só isso. E a obra da casa da sua mãe, manda sua irmã fazer programa pra pagar. Eu quero que essa fdp morra, só isso. Puta. Vaca. Piranha. Outra coisa, cartão, limite, contas, eu vou pagar porra nenhuma, nada. Se vira! Faz o que quiser. E o caso dela da delegacia, eu vou mandar parar tudo e o que eu puder fazer pra prejudicar eu vou”, ameaçou Américo nas mensagens.

Por fim, Monick mostrou os pertences dela que a polícia foi buscar na casa que os dois dividiam. Segundo a empresária, o ex-noivo cortou e estragou todas as suas bolsas de grifes como vingança. Assista ao desabafo abaixo:

Monick e Roberto estavam noivos desde o dia 27 de setembro e iriam se casar neste final de semana. Na época do pedido, a modelo se declarou para o empresário nas redes sociais. “Eu disse SIM, porque eu te AMO, porque a gente se completa muito, e porque você é o amor da minha vida e não me vejo com outra pessoa a não ser VOCÊ. E vai ser sempre assim….eu cuido de você e você de mim, do nosso jeitinho, e cuidamos juntos da NOSSA Família”, havia escrito ela.