Fotojet 17

Após troca de farpas, Whindersson Nunes faz convite a Felipe Neto, e influencer responde; confira

Ontem (9), o clima esquentou entre Whindersson Nunes e Felipe Neto nas redes sociais… Os dois, que já tinham se estranhado no passado, desta vez trocaram farpas por conta de uma provocação envolvendo investimentos financeiros em times de futebol. No entanto, nesta sexta-feira (10), o youtuber carioca decidiu encerrar o desentendimento, e além de se pronunciar, desejou que Nunes “encontre paz”.

Em seus stories no Instagram, Felipe Neto reclamou sobre a forma como os perfis de fofoca repercutem as coisas a seu respeito. Embora não tenha mencionado diretamente o nome de Whindersson, o youtuber deu a entender que queria encerrar a história polêmica.

“Do fundo do meu coração, tanto para a outra pessoa envolvida nessa treta quanto para todos esses perfis de fofoca, eu só desejo uma coisa: sucesso, muito sucesso e felicidade. Quando a pessoa está feliz e bem-sucedida, ela não vai encher o saco dos outros e nem incomodar. Então, real, do fundo do meu coração, porque não fui eu comecei nada disso, não fui que fui alfinetar ninguém. Eu desejo, do fundo do coração, felicidade e sucesso para todo mundo para que parem de me encher o saco”, disparou.

Já no Twitter, a iniciativa foi mais direta… Whindersson Nunes tinha reunido prints de tuítes que o criticavam e teriam sido curtidos por Felipe Neto. “Tô aqui no Rio [de Janeiro], @felipeneto. Quer abrir as portas da sua casa pra mim? A gente pode discutir como ajudar o país ou tu quer peidar pra dentro igual todas as outras vezes que tentei conversar com você? Vida real mesmo, minha segurança é a mesma que a sua, tá seguro, que tal?”, compartilhou.

Continua depois da Publicidade

O carioca respondeu o post: “Irmão, encontra paz… Do fundo do coração, encontra paz no teu coração. Desejo realmente que você supere isso tudo e um dia a gente possa conversar direito, sem você estar assim. Até lá, te desejo melhoras”. Em seu feed, Felipe Neto ainda acrescentou outro tuíte, incentivando que todos colocassem um ponto final no caso. “Minha briga é com esse desgoverno. Todo o resto é irrelevante e só desejo paz, harmonia e, principalmente, terapia”, finalizou.

Entenda o caso

Tudo começou com um tuíte enviado por um internauta para Whindersson, sugerindo que ele deveria usar parte de seu dinheiro para investir nas contratações do time Vasco, assim como Felipe Neto e o ator Marcelo Adnet o fizeram, mas no Botafogo. Nunes, por sua vez, citou projetos de grande impacto social que ele aplica seu dinheiro, e argumentou que essa era sua prioridade. “Não vou gastar nada com time, só torcer”, afirmou.

Continua depois da Publicidade

A publicação foi vista por muitos internautas como “alfinetada” contra Neto, que posteriormente fez uma publicação que parecia fazer referência direta à história, mesmo sem mencionar o nome de Whindersson. “Faço doações a todo tipo de instituto, ONG e movimento. Investi quase 1 milhão de reais na criação do Instituto VERO de educação digital. Criei o movimento ‘Cala Boca Já Morreu’ de apoio pra pessoas perseguidas por opinião. E vou gastar em time sim”, disse.

A história, no entanto, continuou, envolveu mais gente e gerou até ameaças de processos. Entenda todas as repercussões, clicando aqui.