Ariadna Iris

Ariadna se manifesta após desabafo de Íris Stefanelli, incentiva pedido de desculpas e rebate falas sobre “privilégio”: “Assim não dá pra te defender”; assista!

Após o longo desabafo de Íris Stefanelli, foi a vez de Ariadna Arantes vir a público falar sobre sua briga com a colega de equipe em “No Limite”. Na tarde de hoje (7), a modelo deixou claro que a ex-apresentadora do “TV Fama” deveria apenas assumir seu erro, pedir desculpas e buscar aprender com tudo o que aconteceu.

O estopim foi a discussão entre Íris e Ariadna sobre prostituição no confinamento. Ari explicou que, muitas vezes, mulheres trans não têm nenhuma oportunidade, mas “Siri” não aceitou o argumento. As falas renderam uma série de queixas para a loira e, segundo ela, provocaram uma série de ataques desde então – relatadas hoje em seu Instagram.

Agora, através dos Stories, Ariadna lembrou de ter sugerido que Íris apenas pedisse desculpas assim que surgiu a polêmica. “Quando a Íris ficou sabendo desse assunto, ela fez o vídeo no aeroporto, e tentou sair da história, dizendo que era algo nada a ver. Daí ela me mandou uma mensagem, que eu não entendi muito bem, e eu virei pra ela e falei: ‘Mulher, pede desculpas e essa história vai acabar’, porque você vai se retratar e, se for de coração, acaba aí”, mencionou ela. “Só que a Íris é leonina, uma pessoa muito orgulhosa. Não sou amiga dela pra julgar e falar nada, mas só pelo signo já dá pra saber, então talvez pedir desculpa seja algo muito difícil e pesado”, continuou.

Continua depois da Publicidade

Ariadna reforçou que Íris não deveria julgar as experiências relatadas por ela. “Eu te falei do fundo do coração o que aconteceu comigo. Fui expulsa de casa, minha família não me aceitou, tive que ir pra casa dos outros, as pessoas me cobravam e acabou que só isso [a prostituição] me restou, por conta da minha transição, por eu ser uma mulher que passou pela transição toda, um menino muito afeminado, como foi o meu caso quando eu nasci, e o fato de eu ter me sentido uma mulher e estar me vestindo de um gênero pelo qual eu não me identificava e procurar emprego, foi muito difícil, Íris. Então, quando nós falamos as nossas experiências, as pessoas não têm que opinar e julgar, falando que é coisa da nossa cabeça. Se uma pessoa compartilha experiência e fala que não teve escolha, ela não teve escolha”, adicionou a terceira eliminada do “No Limite”.

Ariadna recomenda pedido de desculpas à comunidade trans

A modelo voltou a insistir que Íris apenas reconheça seu deslize e se desculpe. “Caberia a você se retratar, pedir desculpa, porque errar é humano. Todo mundo aqui está propenso a erros, né? E só, sem ficar rendendo essa história, porque essa história tinha até morrido”, afirmou ela. Em outro momento, Ari reforçou que a ex-BBB poderia usar uma entrevista que dará ao programa “Encontro” para fazer isso: “Eu te convido, Íris, a pedir desculpa às pessoas, porque muitas pessoas também se identificaram comigo. Não existe só eu de mulher trans aqui no Brasil… Existem milhares e a realidade de muitas outras são muito piores que a de todos nós. Todos os dias nos noticiários vemos mulheres trans sendo assassinadas, não conseguindo emprego, não tendo oportunidades”.

Ariadna Iris (1)
Ariadna reforçou que Íris deveria apenas se conscientizar sobre o que aconteceu e pedir desculpas por suas falas. (Fotos: Reprodução/Instagram)

Ariadna falou também sobre a questão da dependência química do irmão de Íris. “Quanto ao fato de seu irmão ter tido uma recaída, lamento muito. Eu não tive culpa disso, ninguém teve culpa disso. Foi uma conversa lá dentro”, disse ela. Outro ponto citado por Ari foi a comparação de Stefanelli com o caso de Luísa Sonza. “As pessoas estão atacando a Luísa Sonza por pura maldade. As pessoas estão associando ela à morte do filho do Whindersson, que não tem absolutamente nada a ver com ela, porque as pessoas estão realmente doentes… As pessoas que estão indo te cobrar, é por um posicionamento que você teve que foi errado. Se você tivesse me escutado assim que eu mandei mensagem pra você, isso não estaria rendendo até hoje… Você ainda é cobrada por isso porque você não se posicionou, não pediu desculpas”, declarou.

Continua depois da Publicidade

Ariadna sai em defesa de Angélica

Em seus vídeos, Ari lembrou que as brincadeiras eram comuns entre as tribos do “No Limite” — por isso, disse que Íris não deveria levar as coisas tão a sério, principalmente na situação com Angélica. “Primeiro que a Angélica não tinha nem que ter entrado nessa história, porque você pegou uma birra com a Angélica… Lá no programa eu falei pra você que você era uma mulher cristã e que não tinha que levar pro coração. O Zulu chegou a soltar piada, eu cheguei a soltar piada pra Angélica, mas foi brincadeira. A gente sabia que o programa era uma disputa, mas a gente não tava levando pro coração. A gente não pode… acho que isso é uma coisa que você tá levando muito a sério”, argumentou.

Iris Ariadna Angelica
Ariadna respondeu às queixas de Íris Stefanelli e saiu em defesa de Angélica Ramos. (Fotos: Reprodução/Instagram)

Ariadna também rebateu as falas de Íris em que a loira alegou que não foi “privilegiada” na vida. “Você dizer que você não teve privilégios e você comparar a Angélica, que é uma mulher preta, e eu, que sou uma mulher preta de pele clara e trans? Amiga, pelo amor de Deus, assim não dá pra te defender! Como você pode dizer isso?! Você fala que ‘sofreu pra fazer faculdade’. Você sabe se eu tive oportunidade de fazer faculdade? Eu não tive essa oportunidade. Muito mal eu tive a oportunidade de terminar o segundo grau. Você não pode se comparar”, raciocinou.

Continua depois da Publicidade

A participante do “BBB 11” ainda concluiu que só deseja que Stefanelli busque conhecimento sobre a questão e deixe as “birras” para trás: “Não acho que você deve ser atacada o resto da vida sobre isso. Mas você precisa se conscientizar de que você errou na sua fala sobre a minha vidência e apenas pedir desculpas. E parar com essa história de Angélica porque isso já passou, isso ficou pra trás, não tem nada a ver”.

Assista a alguns trechos do vídeo abaixo:

A história toda teve início quando Íris voltou a falar de sua discussão com Ariadna nas gravações do “No Limite”, e assumiu: “Ainda não me desceu essa história”. A ex-RedeTV chorou ao relatar ataques que têm sofrido, contou como a repercussão dessa história abalou sua família, e rebateu a fama de “patricinha loira dos Jardins”. Em uma longa série de vídeos, Íris também fez críticas à Angélica Ramos, retomando questões de convivência e dizendo que elas não se gostavam.

Mas Angélica não levou desaforo pra casa! A sister do “BBB 15” negou as alegações de Íris, deu sua versão sobre as situações no reality e reclamou do posicionamento de “Siri” após a desavença com Ari. “Toma vergonha nessa sua cara”, disparou. Vem assistir aos vídeos na íntegra e entender essa história, clicando aqui.