Corpo de rapper ucraniano é encontrado esquartejado na Rússia e esposa é principal suspeita; Caso impressiona pelos detalhes cruéis

Meu Deus, que horror! Nesta quarta-feira (29), o corpo do rapper ucraniano Andy Cartwright, de 30 anos, foi encontrado desmembrado em seu flat, na cidade de São Petesburgo, na Rússia. Segundo a polícia, a esposa dele, Marine Kukhal, é a principal suspeita no caso.

De acordo com o jornal britânico Metro, Marine alega que o marido morreu de uma overdose. Segundo relato, ela teria dito que não queria que os fãs do rapper soubessem da causa de sua morte, então, teria decidido guardar as partes de seu corpo e fingir que ele havia desaparecido. Agora, as autoridades russas conduzem um inquérito sobre o óbito do artista – cujo nome de registro é Alexander Yushko.

Como Marine Kukhal teria agido

A polícia afirma que Marine teria usado uma faca, um martelo, um arco de serra, um saco plástico e uma tábua de cortar para desmembrar o corpo do marido, e manter os restos dele no mesmo apartamento em que vive com o filho do casal, de dois anos. Não apenas isso, segundo o veículo The BAZA, ela teria lavado os órgãos internos do rapper numa máquina de lavar – versão que foi negada pelo advogado de Kukhal.

Andy Cartwright foi desmembrado pela esposa após sua morte – que ainda não teve causa revelada. (Foto: Reprodução)

Os oficiais teriam encontrado os membros de Cartwright em “perfeito estado”, além de se depararem com partes de seu corpo salpicadas com sal. Um relato, citando a polícia, apontou ainda que os investigadores encontraram traços de mãos masculinas em um dos antebraços do artista, como se a vítima tivesse sido puxada. Marine também limpou cuidadosamente o apartamento deles, e pode ter recebido ajuda de sua mãe.

De acordo com a viúva, ela teria encontrado uma seringa próxima ao corpo do marido. Marine alega que o rapper teria viciado em drogas pesadas durante a pandemia, e ela teria tentado esconder sua morte “inglória por seu grande amor a ele”. No entanto, amigos de Andy dizem que o músico tinha problemas com álcool, mas que não usava drogas.

Marine Kukhal, esposa de Andy Cartwright, alega ter esquartejado o rapper para esconder uma suposta overdose fatal. (Foto: Reprodução)

Conforme noticiado pelo Metro, investigações forenses estão em andamento, para tentar determinar a real causa da morte de Cartwright. Entretanto, o tabloide russo Komsomolskaya Pravda, por sua vez, antecipou que não foram encontrados traços de drogas no organismo do músico. Como parte do inquérito, Marine ainda deve passar por um teste com um polígrafo – um detector de mentiras.

Esposa do rapper é detida

Na tarde desta sexta-feira (31), o jornal The Moscow Times revelou que Marine Kukhal foi presa, acusada de assassinato. “A esposa da vítima foi presa. Agora ela foi acusada”, disse o Comitê de Investigação da Federação Russa em um comunicado. A assessoria de imprensa do órgão confirmou à agência de notícias AFP que a “esposa” mencionada – que não teve seu nome citado – realmente se tratava de Marine.

As perícias e investigações forenses determinarão as reais causas da morte de Andy Cartwright. (Foto: Reprodução)

De acordo com os investigadores, o casal teria discutido, até que Marine teria causado a morte de Andy “de uma maneira indeterminada”. “Então, para cobrir os rastros do crime, a mulher… cortou o corpo da vítima em partes separadas com o objetivo de destruí-las posteriormente”, afirmaram as autoridades. Que horror… Nos resta aguardar pelos desdobramentos e as respostas para essa morte assustadora.