Curada do coronavírus, Gabriela Pugliesi fura quarentena com festa para amigos em sua casa e brada: ‘Foda-se a vida!’; Influencer pede desculpas e leva bronca de Tata Werneck

Gabriela Pugliesi passou a madrugada deste domingo (26) entre os assuntos mais comentados do Twitter após furar a quarentena e promover uma festa para seus amigos em São Paulo. A influenciadora fitness reuniu de seis a dez pessoas em sua casa e chegou a publicar fotos e vídeos do evento no Instagram.

Alguns seguidores atentos notaram que a festa teria sido organizada para receber Mari Gonzalez, que saiu do “BBB 20” na última terça-feira (21). Ela não apareceu em nenhuma publicação, mas internautas notaram o nome dela em balões nos registros.

Além disso, alguns fãs acreditam ter ouvido a voz da ex-participante ao fundo de um vídeo postado por Pugliesi nos Stories. No post, a influencer que incentiva uma vida saudável aparece dizendo “Fica, Mari” e em seguida brada “F*da-se a vida!”.

Confira mais alguns cliques da reunião:

As selfies foram deletadas do Instagram de Gabriela (Foto: Reprodução/Instagram)
No entanto, ela ainda deixou algumas publicações da festa (Foto: Reprodução/Instagram)

Gabriela contraiu a Covid-19 durante o casamento de sua irmã, Marcela Minelli, em março, na Bahia. O evento foi um dos principais focos do começo da pandemia no Brasil. Ao menos 10 dos casos confirmados no país participaram da celebração, incluindo Preta Gil e Fernanda Paes Leme.

Continua depois da Publicidade

A festa causou uma repercussão extremamente negativa na web, inclusive de uma suposta vizinha, que reclamou do barulho que durou até de manhã. “Indignada com a falta de respeito e gentileza de vocês. Não dormimos a noite, por conta da algazarra que fizeram nessa madrugada. Música alta e gente berrando! Se não estivéssemos em ‘isolamento’ teríamos ido pessoalmente falar com você. Festa até 7h da manhã? Vocês acham que estão aonde? O direito de vocês termina quando há desrespeito ao dos outros. Péssimo”, criticou a mulher no Instagram de Pugliesi.

No começo da tarde deste domingo (26), a influenciadora digital usou as redes sociais para se desculpar. “Tô super arrependida, e que sirva de aprendizado”, escreveu na legenda de um vídeo em que desabafava sobre a situação.

“Eu só estou fazendo esse vídeo para pedir desculpas, do fundo do meu coração. Ontem eu juntei meia duzia de amigos aqui em casa, a gente pediu comida, bebeu. Eu me passei, postei, falei besteira. Enfim, estou extremamente arrependida, estou mal comigo mesma, fui irresponsável, imatura, e mais uma vez quero pedir desculpas”, declarou.

Continua depois da Publicidade

“Errei porque não é para juntar gente em casa, porque tem gente passando dificuldade, porque é ofensivo, não ajuda ninguém nesse momento. A quarentena está difícil para mim, mas sei que está muito mais difícil para outras pessoas. E eu que me proponho sempre a falar sobre como a vida pode ser maravilhosa, tenho que ter responsabilidade sobre o que eu falo, sobre o que eu faço, sobre o que eu posto. Então, queria pedir desculpas do fundo do meu coração”, completou.

View this post on Instagram

To super arrependida, e que sirva de aprendizado 🙏

A post shared by Gabriela Pugliesi (@gabrielapugliesi) on

Apesar das desculpas, a influenciadora continuou sendo criticada e recebeu, inclusive, uma bronca de Tatá Werneck. “Gabriela, você vai me achar uma babaca depois desse comentários. Mas eu acho menos importante isso do que alertar as pessoas. Tão pedindo caminhão pros hospitais. Porque tá um caos. Minha prima médica (que já pegou) chega chorando em casa. Porque eles JÁ tem que escolher quem salvar”, expôs a apresentadora.

Continua depois da Publicidade

“Você já teve. Está teoricamente ‘imune’. Eu acho que essa atitude, ainda mais pra um monte de gente que te egue e se inspira na sua vida saudável, foi inadmissível. Essa sensação de ‘ufa, já me livrei’ não pode te deixar tomar atitudes irresponsáveis. Você é saudável demais. Por isso foi fácil pra você. Mas tem jovem saudável morrendo”, pontuou Tatá.

“Se ainda tiver UM sendo irresponsável não sairemos dessa crise! Então eu abro mão de você gostar de mim pra você entender que nesse momento NÃO É PERMITIDO INCENTIVAR aglomeração. Não adianta falar de presidente e fazer o mesmo em casa”, concluiu a atriz.

Tata comentou no post de desculpas de Gabriela (Foto: Reprodução/Instagram)

Marcas que patrocinavam Pugliesi também se manifestaram nas redes sociais e declararam a suspensão do contrato com a influencer. “A Liv Up tem seguido, desde o início, todas as recomendações e cuidados da OMS em relação à COVID-19. Não incentivamos atitudes que possam colocar a saúde de qualquer pessoa em risco, assim, estamos suspendendo todas as ações que tínhamos programadas com a influenciadora e adiantamos que esse é nosso posicionamento em qualquer outra situação similar”, afirmou uma empresa de comidas saudáveis.

Continua depois da Publicidade

“Não incentivamos atitudes que possam colocar em risco a saúde de outras pessoas e não temos como contrar as atitudes de todos os parceiros da marca. Temos responsabilidade junto aqueles que divulgam a Baw. Sendo assim, também não apoiamos a atitude da Gabi e estamos suspendendo a parceria. Esse é o nosso posicionamento com qualquer outra pessoa em uma situação como essa”, posicionou-se uma marca de roupas.

Outras duas convidadas da festa, a influencer de beleza Mari Saad, e Bárbara Brunca, também se pronunciaram. Enquanto Mari pediu desculpas e afirmou se arrepender, a outra moça debochou que seu Instagram “estava um caos por conta de qualquer coisa”. “Eu não aguento mais hipocrisia sobre esse assunto. Se você sai da sua casa pra comprar pão, você não tem moral pra falar comigo”, afirmou ela.

Confira as declarações completas de ambas abaixo: