Donald Trump esclarece gravação em que diz que Meghan Markle seria desagradável: ‘Não a conheço’

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, gerou polêmica durante sua passagem por Londres para compromissos de Estado na última semana. Em uma das entrevistas que concedeu, Trump chamou Meghan Markle de “desagradável” (a palavra em inglês foi “nasty”) e, por isso, agora decidiu explicar o que aconteceu.

Um jornalista do The Sun perguntou se o presidente sabia que a duquesa de Sussex falou que se mudaria para o Canadá caso ele fosse eleito. “O que eu posso dizer? Eu não sabia que ela era desagradável”, respondeu Trump. Ouça a partir do minuto 1’11”:

Após a repercussão de sua declaração, o presidente foi ao Twitter tentar desmentir a história: “Eu nunca chamei Meghan Markle de desagradável. Isso foi inventado pela mídia de fake news e eles foram pegos! A CNN, o NYTimes e os outros vão se desculpar? Duvido!”, escreveu ele, sem saber que o momento havia sido gravado.

Em uma nova entrevista ao jornalista britânico Piers Morgan, no programa Good Morning Britain, portanto, Trump resolveu tirar a história a limpo e explicar seu comentário. “Eu não me importo de esclarecer isso, porque eles têm a gravação e a divulgaram e tiraram do contexto. O que aconteceu foi que eles falaram que eu a chamei de desagradável quando na verdade ela foi desagradável em relação a mim. E tudo bem ela ser desagradável comigo, mas não é certo eu ser desagradável com ela e eu não fui. Na verdade, acho que ela está indo muito bem”, disse o presidente.

Ele continuou: “A pergunta foi feita e eu não sabia que ela tinha dito qualquer coisa ruim sobre mim. Mas parece que ela disse e eles me contaram algumas coisas e, na verdade, foi gravado. Eu quis dizer que ela era desagradável em relação a mim, e eu não sabia disso. Mas eu também disse que ela está fazendo um bom trabalho e eu espero que ela esteja aproveitando a vida.”

Durante uma entrevista ao ‘Nightly Show with Larry Wilmore’, em 2016, Meghan falou sobre seu apoio a Hillary Clinton nas eleições e, ao responder o jornalista sobre a eleição de Donald Trump, disse: “É realmente aquele momento eu vou [embora]. Nós filmamos Suits em Toronto, então eu devo apenas ficar pelo Canadá. Quer dizer, se é essa realidade que nós estamos falando, isso muda o jogo em termos de como o mundo gira por aqui.”

Ao Good Morning Britain, Trump ainda comentou o que acha de Meghan, apesar de nunca tê-la conhecido pessoalmente. “Acho que ela é muito boa, mas honestamente não a conheço. Isso apenas mostra o quão terríveis as notícias podem ser porque, se você ouve o áudio, dá para perceber que eu estava me referindo aos comentários [dela].

O presidente também falou sobre o marido dela, o príncipe Harry. “Eu dei os parabéns a ele [quando conversamos], acho que ele é um cara incrível. A família real é muito legal. Nós não conversamos sobre ela. Eu até ia, porque foi colocado tantas mentiras por aí… Mas ele foi muito legal, passou bastante tempo conversando com a Ivanka e a minha família”, finalizou.