Chris Rock Jada Smith Oscar

Fala de Chris Rock que causou tapão não estava programada no Oscar, diz executivo; saiba detalhes

Rob Mills, executivo da ABC, estava no controle da transmissão e revelou detalhes do roteiro e do que foi feito na confusão com Will Smith

O executivo da ABC, Rob Mills, deu mais detalhes sobre o já infame episódio de Will Smith e Chris Rock no Oscar 2022. O coordenador da transmissão da premiação falou sobre o humorista, e contou que a piada sobre Jada Pinkett-Smith estava fora do roteiro. Como se sabe, as falas em questão foram estopim para um tapão de Will no comediante.

Mills estava com a produção e a direção do Oscar no momento da confusão, e deu sua explicação sobre a atitude de Rock. “Chris Rock veio e ele estava fazendo, eu acho, um material baseado no que aconteceu naquela noite, como qualquer comediante faria”, iniciou ele. “Ele fez a piada [do ‘G.I. Jane’]. Obviamente, deu pra ver que a piada não pegou com Jada. Então, você começa a ver Will se levantar e andar”, recordou ele.

Jada Smith Will Oscar1
Jada Smith não ficou nada contente e revirou os olhos com a piada improvisada de Chris Rock sobre estar com a cabeça raspada. (Foto: Reprodução/ABC)

De acordo com o executivo, a “brincadeira” sobre Jada estar com a cabeça raspada foi um improviso por parte de Chris. A princípio, até eles ficaram em dúvida sobre o ataque de Will a Chris, mas logo tudo fez sentido. “Você começa a perceber que isso é real uma vez que o Chris, que certamente sabe os limites das transmissões, disse: ‘Will Smith me bateu pra c*cete’. É aí quando fica óbvio que aquilo não foi uma piada”, refletiu.

Continua depois da Publicidade

Rob mencionou que a sala de controle já está acostumada com incidentes inesperados – como quando “La La Land” foi anunciado erroneamente como grande vencedor, em 2017. “Com certeza já houve momentos imprevisíveis em que as pessoas se levantaram e fizeram coisas, então nós pensamos que esse era um desses”, afirmou.

O público dos Estados Unidos, no entanto, estranhou quando o áudio da transmissão da ABC foi cortado por um bom tempo durante o bafafá. Mills também explicou a decisão de “censurar” esses trechos, como ocorre com os palavrões: “Quando você está no botão, que eu não estava, mas as nossas pessoas padrões estavam, eu acho que você obviamente vai em direção a uma supercorreção do que deixar algo vazar”. Já nas transmissões internacionais, como no Brasil, foi possível ouvir o som da discussão original e tudo o que foi dito.

Sindicato se manifesta sobre treta

Com a repercussão da discussão, o sindicato estadunidense SAG-AFTRA se pronunciou sobre o caso e repudiou a atitude de Will Smith nesta segunda-feira (28). “Como o sindicato que representa os apresentadores e outros performers que trabalharam no Oscar, o SAG-AFTRA está focado em garantir que nossos membros sempre trabalhem num ambiente seguro. Violência ou abuso físico no local de trabalho nunca é apropriado e o sindicato condena tais condutas”, disse o comunicado.

Continua depois da Publicidade

O órgão ainda foi além, endossando que o episódio seja lidado de forma apropriada. “O incidente envolvendo Will Smith e Chris Rock ontem à noite no Academy Awards foi inaceitável. Nós estamos em contato com a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas e a ABC sobre esse incidente, e vamos trabalhar para assegurar que esse comportamento seja abordado apropriadamente. O SAG-AFTRA não comenta nenhum processo disciplinar de um membro pendente”, pontuou a nota.

Will Smith pede desculpas após tapão em Chris Rock

Na noite desta segunda-feira (28), Will Smith comentou diretamente a respeito do episódio. Em seu Instagram, Will assumiu que a reação agressiva foi lamentável, mas admitiu que não conseguiu se segurar quando viu a doença da sua esposa sendo usada daquela forma em rede nacional. “A violência em todas as suas formas é venenosa e destrutiva. Meu comportamento no Oscar de ontem à noite foi inaceitável e imperdoável. Piadas às minhas custas fazem parte do trabalho, mas uma piada sobre a condição médica de Jada era demais para mim e reagi emocionalmente”, começou o astro, que na sequência pediu desculpas públicas para Chris Rock.

Continua depois da Publicidade

“Eu gostaria de me desculpar publicamente com você, Chris. Eu estava fora da linha e estava errado. Estou envergonhado e minhas ações não foram indicativas do homem que quero ser. Não há lugar para violência em um mundo de amor e bondade. Também gostaria de pedir desculpas à Academia, aos produtores do programa, a todos os participantes e a todos que assistem ao redor do mundo”, compartilhou.

O artista reservou uma desculpa em especial à família de Venus e Serena Williams, cuja história serviu de inspiração para o filme “King Richard: Criando Campeãs”, e rendeu ao ator um dos Oscar mais disputados da noite. “Eu gostaria de me desculpar com a Família Williams e minha Família [do filme] ‘King Richard’. Lamento profundamente que meu comportamento tenha manchado o que tem sido uma jornada linda para todos nós. Eu sou um trabalho em andamento”, encerrou.