Leo Picon

Leo Picon será processado após filmar e chamar criança de “traficante”; Influencer anuncia afastamento das redes

Nesta semana, Leo Picon tornou-se alvo de uma polêmica após chamar uma criança de “traficante de Recife”, num vídeo publicado em seus Stories. Após a enorme repercussão negativa, o influencer ainda poderá responder legalmente por sua atitude. Nesta sexta-feira (3), a advogada Virginia Rodrigues afirmou que um grupo de advogados criminalistas ajudará a família a processar o empresário.

Virgínia já havia se revoltado com a situação, afirmando que “se fosse a mãe da criança, filmada sem autorização, processaria [Picon]”. Então, a advogada moveu esforços nas redes sociais para tentar encontrar a família da vítima da exposição. “Infelizmente, parece que tem gente que só entende o limite quando mexe no bolso”, contou ela. Por fim, a iniciativa deu certo!

Continua depois da Publicidade

Na manhã de hoje, em um novo vídeo, Virgínia contou que já haviam contatado a família da criança e que entrariam com as medidas cabíveis em prol do menino. “Queria agradecer por toda ajuda e todo empenho na busca da família da criança que foi exposta pelo Leo Picon nessa semana. Nós já encontramos e estamos em contato com os pais da criança, já estão cientes do grupo de advogados voluntários que se dedicou a trabalhar com eles. Já nos reunimos e vamos dar seguimento conforme orientação da família, tomando as medidas judiciais cíveis e criminais cabíveis nesse caso”, declarou ela.

Leo Picon também anunciou um afastamento das redes sociais. Nesta quinta (2), o influencer publicou um longo texto, no qual se disse decepcionado consigo mesmo. “Publicamente me vejo caindo em armadilhas plantadas por mim mesmo, que me enfraquecem”, escreveu ele. O jovem ainda usou o espaço para tentar se defender: “Mesmo que tenha, nunca quis prejudicar ninguém em nenhuma atitude ou erro meu”.

Continua depois da Publicidade

O influenciador ainda fez um novo pedido desculpas por essa e outras questões. “Peço perdão a todos que possa ter ofendido, prejudicado ou machucado através de qualquer atitude imatura ou impensada ao longo desses 25 anos vividos intensamente, lidando com tantas coisas que muitas vezes me vi sem muito tempo para pensar em algumas outras coisas importantes”, completou Picon, ao explicar por que ficaria longe da web. “Vou me dar um tempo para pensar distante das redes em que estou presente ininterruptamente há tantos anos. Reforçar em mim, comigo mesmo, os sentimentos que quero transmitir e voltar com eles mais fortes, canalizados na minha arte, na minha vida e na vida de vocês”, concluiu.

Entenda o caso

A polêmica de Leo Picon teve início na terça-feira (31), quando o rapaz gravou alguns stories nas ruas de Recife, Pernambuco, nos quais se referia a um garotinho local como “traficante”. Com a repercussão negativa, o empresário se manifestou sobre o vídeo, afirmando que sua fala foi colocada “fora de contexto”. No registro original, Picon estava dentro de um carro e brincava de falar em espanhol. Ao ver o garotinho na rua, ele disse: “Vou mostrar como se fala em espanhol com o traficante de Recife“. O influencer, então, chamou o pequeno, pedindo direções para certo local. Leo ainda escreveu no story: “Traficante de informações“.

Mais tarde, o empresário tentou explicar a situação. “Eu vinha fazendo vários vídeos em espanhol e lidando com o que eu estava vivendo no dia a dia, lá em espanhol, em tom de brincadeira, como se fosse algo voltado a la mafia espanhola porque hablar en español es un estilo de vida, e eu me referi a uma criança como traficante e eu filmei isso. Fiz questão de escrever ‘traficante de informação’ porque, pô, dentro do contexto todo…“, disse ele, em seus stories.

Continua depois da Publicidade

Agora pegam esse trecho do vídeo e colocam em diversos portais e fica saindo que eu chamei uma criança de traficante, começam a levantar pautas de elitismo e de sei lá o que, quando na verdade não tem nada a ver. Foi uma brincadeira em que, obviamente, quando pega, fragmenta e coloca fora de contexto, fica fácil. É um prato feito para quem quiser me atacar, pra quem quiser me descredibilizar, para quem quiser criar uma narrativa que jogue contra mim“, reclamou Picon.

Eu recebo muitos conselhos de ficar quieto e podar o que eu faço, mas eu luto muito para poder me expressar e fazer as coisas que eu gosto de fazer, que me divirta, que gere sorriso. Não humilhei ninguém, não tive essa intenção… Pegarem um fragmento tão pequeno dessa viagem, quinze segundos em que eu estou falando como um personagem, estou interpretando uma parada em espanhol e colocarem isso me magoa muito. Acaba se criando uma notícia que vai contra tudo que eu acredito“, prosseguiu, frisando que estava em Recife para iniciar um projeto de incentivo para empreendedorismo de jovens.

Após a declaração, foi um bate-papo com Whindersson Nunes que incentivou Leo a se desculpar publicamente. No início da tarde de quarta-feira (1º), Picon voltou a utilizar suas redes sociais para se pronunciar. Segundo ele, a conversa com o humorista abriu seus olhos sobre a realidade da situação. “Acabei de receber uma ligação de um cara que eu gosto muito, que é o Whindersson, e a partir da nossa conversa ele pôde me explicar porque a minha brincadeira reverberou tanto”, começou o influenciador. “Eu pude entender a ferida que eu mexi, eu gostaria de pedir desculpas a todos, ao garoto, à família, estou tentando entrar em contato com eles”, reforçou.

Leo Picon Whindersson
Após uma conversa com Whindersson Nunes, Leo Picon pediu desculpas. (Fotos: Reprodução/Instagram)

Na sequência, Picon voltou a se justificar, desta vez de forma diferente. “A preocupação dele (Whindersson) veio muito pela minha intenção, a gente se conhece, ele sabe das minhas intenções, que eu prezo pelo amor em minhas mensagens. Mas nem sempre as mensagens que a gente passa atinge as nossas intenções”, disse ele.

Continua depois da Publicidade

“Eu tava a fim de criar conteúdo, de criar situações engraçadas, e dentro desse contexto essa brincadeira não pegou bem. Num primeiro momento, quis me defender, mas ter tempo pra pensar é muito importante pra tudo na nossa vida, conversar com pessoas também, assim como ele (Whindersson) conversou [comigo] e reconhecer o meu erro”, avaliou. “Eu me preocupei muito em explicar minhas intenções, mas é o que eu falei, nem sempre nossos resultados estão alinhados com nossas intenções. E quando isso acontece, a gente tem que reavaliar, conversar com as pessoas e conversar com ele foi muito importante para mim”, acrescentou.

“Gostaria de agradecê-lo demais pela mensagem, pela preocupação e deixar claro, diante de todas as mensagens que eu li, que eu tenho muito carinho, muito respeito por todas as pessoas de todos os lugares do mundo, de todas as formas, de todas as maneiras de se expressar”, disse Picon. “Eu quero sempre colocá-las pra cima e nem sempre as nossas intenções estão alinhadas com nossos resultados e foi o que aconteceu. Eu quero muito colocar todos para cima, não foi o que aconteceu, mas minha intenção sempre será essa”, insistiu.

Continua depois da Publicidade

O paulista avaliou, ainda, que a “narrativa” criada na web foi “muito distante de sua intenção” e que isso o incentivou a tentar se justificar, em um primeiro momento, “como uma criança quando quebra um vaso”. Ele também aproveitou o pronunciamento para reforçar que não quer mais falar sobre o assunto. “Gostaria de por um ponto final nesse assunto, não tenho mais o que falar sobre isso. Apenas me desculpar, dizer que essa atitude não representa os meus valores, o que eu sou, o que eu prezo”, pediu Leo. “E é aquela frase clichê, que quem me conhece sabe o que eu prego, sabe o que eu planto, conhece meu trabalho e claro que quando esse fragmento de 15 segundos é exposto, cria-se uma imagem completamente diferente do que eu sou e isso automaticamente gera uma mecanismo de querer se defender, se explicar”, insistiu. O rapaz concluiu o desabafo agradecendo o apoio dos que ficaram ao seu lado em meio à confusão.