Bianca Andrade lembra do primeiro beijo em outra mulher e diz se reataria com ex! Confira essas e outras respostas de Boca Rosa

Bianca Andrade aproveitou a madrugada dessa terça-feira (19) para conversar com os fãs, e deixou uma caixinha de perguntas disponível nos Stories do Instagram. Ao ler algumas das dúvidas enviadas, a influenciadora falou mais sobre o passado e futuro de sua vida amorosa.

Bianca, conhecida também pelo apelido “Boca Rosa”, é declaradamente bissexual, e disse não ter achado estranho seu primeiro beijo em outra mulher. “Não mesmo”, enfatizou a empresária. Uma seguidora anônima, em seguida, quis saber se teria chances com a morena. “Talvez. Menina, se não fosse a quarentena, eu tava era feita. Nunca me deram tanto mole na vida, e eu achando que o ‘BBB’ iria queimar meu filme kkk”, escreveu a ex-BBB 20 em resposta.

Andrade, que estava namorando o cantor Diogo Melim quando entrou no “BBB”, ainda falou que não reataria com nenhum(a) de seus(suas) ex. “Tenho muito carinho e respeito por todos, mas não voltaria a namorar nem tão cedo”, declarou. A blogueira terminou seu último relacionamento assim que saiu do confinamento. Ainda dentro da casa, Bianca, muito embriagada, chegou a dar investidas em Guilherme Napolitano.

Ainda sanando as dúvidas dos seguidores, a influenciadora avisou não pensar em casamento, mas que quer sim ter filhos, cogitando as possibilidade de adoção ou até mesmo fazer inseminação artificial, “em parceria com algum amigo”.

No final do mês passado, Bianca fez uma live no Instagram com Marcela McGowan, na qual participou de um jogo do “Eu Nunca”. O papo incluiu algumas revelações sobre a vida sexual das sisters, que inclusive mostraram seus brinquedos sexuais pro público Kkkkk Bianca deu até um nome ao seu vibrador! “O meu chama Pinkinho, de ‘Boca Rosa’, ‘Pink Mouth’. Pinkinho é mara! É o meu primeiro, acredita?! Fui no sexshop esses tempos comprar o Pinkinho”, revelou a carioca, na época.

Intrigados, os seguimores da empresária quiseram saber se “pinkinho” estava sendo útil nesse período de quarentena. “Tá usando muito o pinkinho nesses dias de luta?”, questionou alguém anônimo. “Siiiiim”, escreveu Bianca, usando um filtro de “chamas”.