Famosos

Brad Pitt e Leonardo DiCaprio relembram “borboletas no estômago” ao atuar com Luke Perry: “Ele era incrível”

Gabriel Bastos - Publicado em 22/05/2019 às 0:21
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

Sabe quando você encontra um ídolo de quando era jovem? Essa mesma euforia e animação tomou conta de Brad Pitt e Leonardo DiCaprio quando atuaram com Luke Perry. Ao recordar o trabalho em “Once Upon a Time in Hollywood”, eles disseram que ver o astro de “Barrados no Baile” os fazia sentir como crianças. Em entrevista à Esquire, os dois reviveram esse sentimento de ter dividido o set com o ator, que nos deixou em março deste ano.

Para DiCaprio, o encontro com Perry gerou como um friozinho na barriga, aquela sensação de borboletas no estômago. “Nós andamos para lá e tivemos esses momentos das borboletas, tipo, ‘Oh meu Deus’, é o Luke Perry bem ali!'”, contou o ator. E com Brad não foi nada diferente! “‘É o Luke Perry, ca****o!’. Estávamos como crianças na loja de doces, porque lembro de ir aos estúdios e ele era aquele ícone cool para nós como adolescentes”, disse Pitt.

Saudosos, eles também mencionaram toda a humildade de Luke e seu exemplo. “Era uma explosão estranha de empolgação que tive, de poder atuar com ele… Cara ele era inacreditavelmente humilde, incrível e absolutamente comprometido. Ele não poderia ter sido um cara mais amigável, e maravilhoso de se passar um tempo. Pude sentar e ter algumas conversas maravilhosas com ele. Foi realmente especial”, adicionou Brad. E essa opinião parece frequente entre vários ex-colegas de trabalho. Uma pena…

No início de março, Luke acabou falecendo como decorrência de um grave AVC. O astro de “Riverdale” tinha 52 anos. Nos anos 90, Perry também fez muito sucesso na série “Barrados no Baile”, na qual interpretou o papel de Dylan McKay por dez temporadas. Além do novo filme de Quentin Tarantino, em que contracena com Pitt e DiCaprio, sua última cena gravada em “Riverdale” também foi exibida recentemente, com várias homenagens. Mas ficamos felizes por poder assisti-lo nas telonas ao menos uma última vez…