Brad Pitt proíbe organizadores de “Parada do Orgulho Hétero” de usarem sua imagem para promover evento

Brad Pitt não gostou nada de ser associado à “Parada do Orgulho Hétero” que está sendo idealizada nos Estados Unidos. Os organizadores, simplesmente, escolheram o ator para ser o mascote do evento e usaram fotos dele para a divulgação.

“A Comunidade Hétero adotou Brad Pitt como nosso mascote! Parabéns Sr. Pitt por ser a cara desse importante movimento em defesa aos direitos civis. Direitos héteros são direitos humanos”, o site Super Happy Fun America postou sobre a parada. Como se não bastasse isso, eles ainda colocaram uma foto do ator sendo “disputado” por Angelina Jolie e Jennifer Aniston.

De acordo com o TMZ, Brad pediu para seu time entrar em contato com os organizadores e exigir que eles parassem de usar seu nome e popularidade para o evento. Caso isso não acontecesse, ele entraria com ações mais drásticas. Com razão, né?

Entretanto essas ações não precisaram ser tomadas, porque o site logo cumpriu a exigência. Apesar disso, eles não tiraram a postagem do ar e tiveram a audácia de serem debochados ao trocar o nome de Brad por “[Redigido]” e sua foto por “[Censurado]”. Clica aqui pra ver.

Brad não foi o único ator a se posicionar contra esse absurdo. Pelo Twitter, Chris Evans ativou todo seu lado sarcástico e irônico para criticar a homofobia implícita no evento. “Uau! Iniciativa incrível, caras!!! Só uma ideia, ao invés de parada do ‘Orgulho Hétero’, que tal isso: A parada do ‘Desesperadamente tentando enterrar nossos próprios pensamentos gays sendo homofóbico, porque ninguém nos ensinou como acessar nossas emoções quando crianças’? O que vocês acham?”, disparou.

E não parou por aí… Chris resolveu apelar pra didática, compartilhando um artigo escrito por outro homem hétero. Trazendo o argumento de que se eles não são torturados, discriminados, e são aceitos no mundo todo, logo não haveria razões para sentir orgulho de ser hétero, segundo o ideal defendido pelo ator. “Uau, o número de falsas equivalências nas paradas do orgulho gay/lgbt é decepcionante. Ao invés de ir direto para a raiva (o que é, na verdade, apenas medo do que você não entende) tire um momento para pesquisar por empatia e crescimento”, pediu o astro em seguida. Capitão América? Nunca critiquei! Kkkk Dá uma olhada na publicação:

Os organizadores da parada querem marcá-la para algum dia de agosto e estão pedindo a mesma rota usada na Parada do Orgulho LGBT em Boston. É cada uma que aparece, viu!