Famosos

Britney Spears é flagrada saindo de clínica psiquiátrica e preocupa fãs; entenda o caso

Marina Amaro - Publicado em 22/04/2019 às 14:07
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

Após se internar voluntariamente em uma clínica psiquiátrica, Britney Spears foi vista durante o feriado de Páscoa fora do local. Na companhia do namorado, Sam Asghari, a cantora foi fotografada no hotel Montage, em Beverly Hills no domingo (21). De acordo com o TMZ, a voz de “Piece of Me” passou o dia ali com o namorado — os filhos, Sean e Jayden James, não aparentavam estar junto.

O site também aponta para o fato de que a saída foi restrita ao feriado, e que Britney deve voltar à clínica. Nas imagens, a cantora aparece de vestido vermelho e sem maquiagem. Como contamos anteriormente, a artista se internou em um hospital psiquiátrico depois de se sentir desestruturada mentalmente com a piora do estado de saúde de seu pai, Jamie Spears. A previsão é de que ela fique internada por 3o dias.

Apesar da assessoria da cantora afirmar que a internação é voluntária, muitos fãs suspeitaram da alegação, e chegaram a criar uma teoria da conspiração sobre o assunto. De acordo com o ET Online, Tess Barker e Barbara Gray, comediantes e criadoras do podcast “Britney’s Gram”, revelaram que receberam “uma dica anônima, de uma fonte confiável“, de que Britney fora internada na clínica contra a própria vontade. A dupla ainda tocou no programa, uma mensagem de voz que, supostamente, seria de um assistente que costumava trabalhar para um advogado envolvido na tutela de Britney.

 “Oi. Eu não posso informar quem sou. Eu acabei de ouvir o último episódio de vocês, e acho que vocês estão no caminho certo. O que está acontecendo é desconcertante, para dizer o mínimo. Basicamente, Britney estava nos ensaios de ‘Domination’. Jamie [Spears, pai da cantora] soube que a Britney não estava tomando sua medicação. Então, eles a levaram ao médico, e o médico disse: ‘OK, se você não quer esses medicamentos, vamos conseguir novos para você’. Ela se recusou a tomar novos”, contou a pessoa não identificada no podcast. E continuou: “Jamie disse: ‘Ou você toma os remédios, ou os shows serão cancelados, e eu estou retirando meu apoio. A Britney não seguiu as instruções dele, então ele cumpriu a palavra — ele cancelou o show”. O anônimo ainda disse que a cantora está na clínica desde meados de janeiro, e que não há previsão de saída. “Pelo que eu entendi, essa não foi, de longe, uma decisão dela”, concluiu.

A versão oficial é de que, com a piora do estado de saúde do pai da estrela, que teve o cólon rompido no final do ano passado, a diva pop tomou a decisão cancelar sua residência em Las Vegas. Você pode conferir as fotos de Britney saindo da clínica, clicando aqui.

Britney Spears em outubro do ano passado, durante anúncio de sua residência em Las Vegas. (Foto: Ethan Miller/Getty Images)

O pai de Britney tem controle sobre a carreira da cantora desde 2008, época em que ela também passou por problemas de saúde mental. Ele se tornou o único responsável por Britney, após o advogado Andrew Wallet se demitir em março. Jamie tem o poder de agir como o guardião legal da artista, tomando decisões que vão desde suas finanças até sua vida pessoal – como, por exemplo, se ela pode se casar ou não.

Lynne Spears, mãe de Britney, que se divorciou em 2002 de Jamie, colocou mais lenha na fogueira ao curtir comentários no Instagram de fãs que acreditam que a cantora está sendo mantida na clínica contra sua vontade. Um dos comentários curtidos dizia: “Eu realmente espero que você esteja apoiando a Britney na tentativa de acabar com a tutela. Eu realmente espero que seu ex-marido doente não esteja mantendo sua filha em algum lugar contra a vontade dela”.

No Twitter, a hashtag “Free Britney” tomou força nos últimos tempos. Veja alguns tuítes abaixo:

Por aqui, estamos na torcida para ver a princesa do pop bem de saúde!