Vídeo: Sandy e Junior mudam letra ultrapassada de “Maria Chiquinha” em show da turnê: “Isso não é mais aceitável”; assista!

O que é que a Maria Chiquinha foi fazer no mato? Ainda não está claro para nós. Mas uma coisa é certa, os próprios Sandy e Júnior entendem que a letra de seu grande hit está um pouquinho ultrapassada. E durante um show da turnê “Nossa História”, os irmãos deram uma palhinha da música, mas alteraram seu final, pegando a todos de surpresa!

Durante passagem pela cidade de Fortaleza, na última sexta (19), eles enfrentaram um pequeno problema técnico no show. Assim, a performance acabou tendo uma pequena interrupção, segundo o Correio Braziliense. No entanto, o que Sandy e Junior não esperavam era que a plateia, logo em seguida, faria um coro à capella de “Maria Chiquinha” – sucesso que lançou a carreira dos dois há 30 anos.

Assim, de improviso, os cantores se uniram ao público com a música! Mas no final, Junior fez questão de corrigir o término original da canção. Para quem não se lembra, os versos finais questionam: “O que você vai fazer com o resto, Genaro, meu bem?”. E então, a resposta dizia o que faria com Maria Chiquinha: “O resto? Pode deixar que eu aproveito”. No mínimo, estranho, né?

Com sua deixa, Junior explicou “o que faria com o resto”. “Para com isso. Isso não é mais aceitável. Não são mais os anos 90. Não vou fazer nada com o resto. Deixa em paz a Maria Chiquinha. A Maria Chiquinha faz o que ela quiser no mato”, disparou, sendo aplaudido por todos. Reizinhos sensatos! Assista ao vídeo aqui:

Que momento! Vale considerar que “Maria Chiquinha” nem mesmo está na setlist das turnês, justamente por conta de sua letra com teor questionável. E os irmãos fizeram a estreia da “Nossa História” há pouco tempo, no dia (12), em Recife. Juntos, eles mostraram que valeu a pena a contagem regressiva de cada minuto nos últimos quatro meses. E a missão de resgatar a história dos artistas no espetáculo foi concluída com sucesso.

Mais do que isso, Sandy e Junior montaram uma verdadeira máquina do tempo onde seus fãs puderam reviver a infância e adolescência. Afinal de contas, a trajetória dos dois irmãos sempre foi de encontro com a da geração nascida nas décadas de 1980 e 1990.

Logo no início, a contagem regressiva para o começo do show reuniu diversos vídeos do arquivo pessoal dos cantores em diferentes faixas etárias. A ideia era realmente celebrar a carreira dos dois artistas dentro e fora dos palcos. Talvez, por isso, a dupla manteve a maior parte dos arranjos musicais das canções da forma que conhecemos e nos apaixonamos. As notas, os agudos, as dancinhas, do jeitinho que a gente conhece e ama!

Todos já esperavam que seria um grande show, mas os artistas superaram todas as expectativas. A apresentação em Recife deixou todo mundo boquiaberto pelo tamanho do palco, telões e a sincronia do balé, que foi uma verdadeira surpresa, já que no final da carreira da dupla eles já não incluíam passos de dança nas apresentações. Inclusive, foi uma decisão incrível… O que seria dos momentos cantando “Dig dig joy” e “Vamo pulá” se não tivesse toda uma coreografia envolvida igual a gente dançava antigamente na frente do espelho, não é mesmo?! Kkkk Destaque para nossa musa Sandy que dançou “Love never fails” como uma profissa!

No palco, Sandy e Junior mostraram que a cumplicidade, o talento e a presença de palco realmente estão na genética da família. Quem viu os dois juntos nesta noite não consegue sequer imaginar que eles ficaram tanto tempo longe um do outro artisticamente falando. Nos gestos, no olhar, os sorrisos, dá pra ver de longe a felicidade deles em poder compartilhar esse momento outra vez com os fãs. Dá gosto de ver!

Como dois ícones na história do pop brasileiro que são, os irmãos não pouparam nem na hora de se produzir para o espetáculo. Eles fazem trocas de looks baphônicas enquanto transitam de um bloco para o outro. Tem momentos para todos os gostos, desde os hits infantis para dançar até as músicas que embalaram as primeiras paixões de muita gente cantadas no formato voz e violão. Perfeição que chama!

Quando alguém decide comemorar nada mais nada menos que 30 anos de carreira, decidir uma setlist pode ser uma missão impossível, mas Sandy e Junior equilibraram muito bem suas escolhas. Tendo como base o repertório do “Acústico MTV”, o último álbum gravado por eles para se despedirem da carreira em dupla, eles incluíram faixas que vão deixar o público muito emocionado, sem sombra de dúvidas. O que dizer de “Eu acho que pirei” sendo tocada enquanto é exibido um vídeo especial gravado pelos atores da série protagonizada pelos irmãos na TV Globo?! Um tiro no nosso coração! Kkkk

Confira a setlist completa!

Não dá pra não pensar
Nada vai me sufocar
No fundo do coração
Estranho jeito de amar
Olha o que o amor me faz
Nada é por acaso
Love never fails
As quatro estações
Aprender a amar
Imortal
Libertar
Eu acho que pirei
Medley (Beijo é bom; Etc e tal; Vai ter que rebolar; Dig dig joy; Eu quero mais)
Enrosca
A gente dá certo
Medley acústico (Você pra sempre (Inveja); Ilusão; Não ter; Era uma vez; Com você)
Inesquecível
Super-herói (Não é fácil)
A lenda
Cai a chuva
Turu Turu
Desperdiçou
Vamo pulá