Dualipa

Dua Lipa é processada em R$ 750 mil por postar foto em que ela mesma aparece; vem entender o caso

Olha que confusão! Dua Lipa está sendo processada por postar fotos dela própria no Instagram, tiradas por paparazzi. As informações são da BBC News, nesta sexta-feira (9), que teve acesso aos documentos judiciais dos Estados Unidos. Na imagem em questão, clicada em fevereiro de 2019, a cantora aparece no aeroporto, cercada de fãs, usando um grande chapéu.

A Integral Images afirma que Dua postou a foto sem autorização e que ela lucrou com isso, já que sua conta na rede social com mais de 68 mil

hões de seguidores, funciona como uma ferramenta de marketing. E pelos alegados danos causados, a empresa pede US$ 150 mil, cerca de R$ 750 mil. Além disso, a agência solicita que a ganhadora do Grammy arque com os custos do processo e receba uma ordem a proibindo de postar fotos de paparazzi.

Continua depois da Publicidade

“A conta é monetizada, e posta conteúdos para acumular seguidores que são direcionados para, através de link e/ou anúncio, consumir e comprar o conteúdo da ré, que lucra com essas atividades”, diz parte do processo.

Embora muitos possam pensar não haver problema em Dua Lipa postar a foto tirada pelos paparazzi, já que é a artista que está ali retratada, é muito normal que esse tipo de processo aconteça. É que de acordo com a lei dos direitos autorais, o fotógrafo é quem detém a concessão de uso daquela imagem, logo a foto só pode ser usada com a permissão dele.

Dua Lipa é processada em R$ 750 mil por usar fotos de paparazzi sem autorização Foto: Getty

Lipa, claro, não é a primeira a passar por isso. Gigi Hadid, Liam Hemsworth, Ariana Grande, Justin Bieber, Khloé Kardashian e Jennifer Lopez são alguns nomes de peso que já foram processados por usar imagens tiradas por paparazzi sem permissão.