Evaristo Costa, Juliana Paes, Ana Maria Braga e mais celebridades desativam contas no Instagram por motivo importante; saiba detalhes

“O Instagram caiu?”. Foi o que muitas pessoas podem ter se perguntado nessa segunda-feira (09) ao ver que as contas de várias personalidades famosas haviam sido excluídas na rede social. Durante todo o dia, pelo menos 20 celebridades, entre atores, apresentadores e influenciadores, desativaram suas contas no Insta por algumas horas. O motivo foi revelado nesta terça: foi uma ação promovida de forma voluntária em parceria com o Centro de Valorização da Vida, contra o suicídio.

Além de estarmos no mês do “Setembro Amarelo”, campanha brasileira de prevenção ao suicídio criada em 2015, o dia 10 é ainda mais simbólico por ser o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio. No Brasil, uma pessoa tira a própria vida a cada 45 minutos. Por isso, o CVV criou a campanha “Como vai você?”, buscando oferecer ajuda e conscientização a todos que sofrem com doenças mentais e possam estar considerando a questão.

Entre as celebridades que desativaram o Instagram para chamar atenção ao projeto estão Evaristo Costa, Juliana Paes, Ana Maria Braga, Mariana Xavier, Fabio Porchat, Gleici Damasceno, Carol Dias, Leticia Sabatella, Jojo Todynho, PC Siqueira e Penélope Nova. Até a publicação desta matérias, alguns perfis, como o de Porchat e Todynho ainda estavam desativados.

Entretanto, outros artistas já voltaram à rede, postando fotos, vídeos e textos sobre o tema. “#ComoVaiVocê! No Brasil, uma pessoa tira a própria vida a cada 45 minutos. Se você tá se sentindo meio deprê, pra baixo, ou conhece alguém que esteja assim, acesse o @cvvoficial. É possível mudar isso! Como? Falando sobre o assunto! O suicídio não é a solução. #setembroamarelo”, escreveu Evaristo, além de falar sobre o assunto nos Stories e no Twitter.

A ex-BBB Gleici Damasceno também teve sua falta sentida no Instagram. Ao voltar, nesta manhã, ela escreveu: “Fui convidada pelo @cvvoficial a desativar meu Instagram ontem para chamar a atenção das pessoas para algo muito urgente. Quando se fala de saúde mental, precisamos levar isso a sério. No Brasil, uma pessoa tira a própria vida a cada 45 minutos, e é possível mudar isso! Como? Falando sobre! Fale com alguém, de confiança, um amigo, familiar, primos, levante a bola durante o almoço de família: isso não é tabu!…”.

View this post on Instagram

Fui convidada pelo @cvvoficial a desativar meu Instagram ontem para chamar a atenção das pessoas para algo muito urgente. Quando se fala de saúde mental, precisamos levar isso a sério. No Brasil, uma pessoa tira a própria vida a cada 45 minutos, e é possível mudar isso! Como? Falando sobre! Fale com alguém, de confiança, um amigo, familiar, primos, levante a bola durante o almoço de família: isso não é tabu! O @CVVoficial existe pra isso e eles, através de voluntários preparados, podem conversar com quem mais precisa! E se você também quer ajudar a salvar vidas, que tal virar um voluntário? Que tal doar para ajudar a dar escala a este nobre trabalho que eles executam? Acesse a página deles! O suicídio não é a solução. Fale com alguém, quebre o tabu que não podemos conversar sobre saúde mental! #ComoVaiVocê 🎗

A post shared by GLEICI DAMASCENO (@gleicidamasceno) on

Ana Maria Braga também se manifestou. “Sim, eu desativei o Instagram ontem para chamar a atenção para um problema que muitas vezes temos medo de falar: Suicídio! A ação foi sugerida pelo @CVVoficial, Centro de Valorização da Vida, a maior ONG que trabalha na prevenção do suicídio e ajuda a salvar vidas no Brasil inteiro. Ele precisa da sua ajuda para continuar com esse trabalho cada vez mais importante na nossa sociedade, eles precisam de todas as doações possíveis. O suicídio não é a solução. Vamos conversar? #ComoVaiVocê”, refletiu a apresentadora do “Mais Você”.

“Oi, meus amigos, foi estranho sumir este perfil no dia de ontem, muitos perguntaram o que teria acontecido. Na verdade, foi uma ação movida pela ONG #cvv para chamar a atenção para o fato de que no nosso país tem aumentado o número de suicídios, principalmente entre jovens… Vamos seguir de mãos dadas”, pediu Leticia Sabatella.

View this post on Instagram

Oi, meus amigos, foi estranho sumir este perfil no dia de ontem, muitos perguntaram o que teria acontecido. Na verdade, foi uma ação movida pela ONG #cvv para chamar a atenção para o fato de que no nosso país tem aumentado o número de suicídios, principalmente entre jovens . As causas de suicídio podem ser depressão, relações abusivas, ausência de perspectivas ideais. Por isso #CVV ( Como Vai Você?), criou este mês de setembro , esta ação de conscientização sobre cuidados de atendimento a quem precisa sim, de muita atenção . É uma ONG sem fins lucrativos , que atende, através do número 188, pessoas que necessitem de apoio emocional. Voluntários doam seu tempo para conversar, sem julgamentos, para ajudar quem se encontra em estado de desesperança. Procure se informar. Coloquei alguns dados no Story. Aceita-se voluntários também. Vamos seguir de mãos dadas. ❤️🌺🐝

A post shared by LetIcia_Sabatella (@leticia_sabatella) on

IMPORTANTE: Doença mental é um assunto super sério e pode atingir qualquer pessoa. Se você ou alguém que você conhece está passando por dificuldades emocionais ou considerando o suicídio, ligue para o ‘Centro de Valorização da Vida’ pelo número 188. O CVV realiza apoio emocional, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email e chat 24 horas todos os dias. Para mais informações, clique aqui.