Foto: Marcus Sabah

Grazi Massafera fala pela primeira vez sobre assédio e boicote sofrido em bastidor de novela: “Muito difícil”

Grazi Massafera, que terminou o relacionamento de quase dois anos com Caio Castro, revelou, em entrevista à revista Ela, que já foi vítima de assédio nos bastidores de uma novela. A declaração veio após a atriz mencionar alguns assuntos importantes, como feminismo e racismo estrutural, que tem estudado mais a fundo durante seu tempo livre.

“Tenho pensado muito sobre a expressão ‘mimimi’, algo que a minha filha Sofia me perguntou o significado outro dia. Primeiramente, li aquela frase de que ‘mimimi’ é a dor do outro que você não sente. Mas estou também ressignificando isso. Acredito que é a sua dor, para a qual você não quer olhar”, começou.

Continua depois da Publicidade

“Por mais que eu seja branca, dentro de todo o padrão mais favorecido, também tenho as minhas questões que toda mulher precisa lidar na carreira e na vida”, contou a artista, de 39 anos, que logo em seguida reviveu uma história de assédio. “Estou mais sensível ao tema, embora tenha encontrado formas de lidar com ele intuitivamente”, afirmou.

X94934206 El Exclusivo Grazi Massafera.jpg.pagespeed.ic.bbml5h2ma1
(Foto: Marcus Sabah)

O episódio aconteceu durante as gravações de uma novela e, após a atriz negar investidas de um produtor casado, passou a ter seu trabalho boicotado. “Houve um momento profissional em que estava numa novela, e tinha um produtor casado na equipe que dava em cima de mim. Deixei claro que ‘não’. A partir daí, ele começou a me menosprezar, boicotar e destratar no que se referia às questões da personagem. Eu não tinha mais retorno dele, e tudo foi se tornando muito difícil”, lembrou.

A atriz, por fim, deixou claro que, agora mais experiente, não deixa esse tipo de situação passar em branco. “Ainda estava amadurecendo como atriz, precisando de um auxílio, mas tive a infelicidade de lidar com esse tipo de gente. Por outro lado, houve momentos em que consegui responder de um jeito descontraído. Uma vez, estava indo trabalhar numa van, e toda a equipe havia dormido, menos eu e outro produtor. Ele virou para mim e disse: ‘Seus olhos brilham até no escuro’. Respondi com algo que minha mãe dizia: ‘É verme’. Eu naturalizava essas coisas. Hoje, não mais“, pontuou.