Jordyn Woods se pronuncia sobre escândalo de traição de Tristan Thompson e nega ter dormido com jogador: “Não sou uma destruidora de lares”

OMG! Como esperado, a tão aguardada entrevista de Jordyn Woods para o “Red Table Talk” foi ao ar nesta sexta-feira (1º). Na conversa com a apresentadora Jada Pinket Smith, a modelo e melhor amiga de Kylie Jenner abordou o escâdalo de traição que vem dominando os tabloides internacionais nas últimas semanas.

A decisão de dar a primeira entrevista sobre o bapho ao “Red Table Talk” não é uma surpresa. Jordyn é amiga de longa data da família Smith e foi apresentada a Kylie por Jaden Smith, a quem ela também namorou, segundo a People. A publicação diz que Woods se refere a Will Smith como seu “tio” e que seu falecido pai, John Woods, trabalhou com o ator anos atrás em projetos na televisão.

Eu conheço a Jordyn Woods por toda a sua vida”, começou a anfitriã. “E eu só quero que todos saibam que qualquer um que venha à mesa hoje precisa entender que A, estamos lidando com assuntos realmente sensíveis e B, precisamos lidar com isso com compaixão“. E ela continuou: “Há uma família que se sente traída por você. Quero dar-lhe a oportunidade de contar a sua verdade e quero que você conte isso através das lentes do que foi sua parte, porque essa é a única parte que você pode mudar“.

Jordyn, então, disse que em 17 de fevereiro ela foi jantar com alguns amigos e depois foi a um bar, onde havia uma festa. “Eu estava na minha, dançando, bebendo“, disse ela. “Tristan estava lá, ele estava fazendo suas próprias coisas. Foi isso“.

Depois do bar, Woods disse que todos foram a uma festa em uma casa. Ela disse que só percebeu que estava indo para a casa de Thompson quando eles já estavam a caminho. “Eu fiquei tipo, legal, tudo bem. Parece um ambiente seguro. Eu prefiro que seja a casa dele do que um estranho aleatório“, afirmou.

Na sequência, ela admitiu que esse foi seu primeiro erro. “Não ter pensado que não deveria estar lá. Esse foi o meu primeiro erro. [Eu não estava pensando em] como eu me sentiria se alguém próximo a mim estivesse na casa do meu ex ou pai do meu filho. Eu não pensei sobre isso. Essa é a primeira parte do problema. Eu deveria ter ido para casa depois da festa. Eu não deveria ter ido pra lá [casa de Tristan]“.

(Foto: Reprodução/Facebook Watch)

Já na casa do jogador de basquete, Woods disse que ela e Thompson estavam se divertindo com um grupo de pessoas e negou a história de que ela teria dançado com ele ou que teria ficado em seu colo durante a festa. “É que estávamos todos juntos, estávamos em um grupo. Em nenhum momento saímos da área pública, nem fomos a um quarto ou a um banheiro. Estávamos todos à vista de todos“.

Jordyn afirmou que acabou ficando na casa de Thompson até às 6 horas da manhã, mas que não houve nada entre eles além de um beijo. “Na saída, ele me beijou. Ele apenas me beijou. Foi como um beijo na boca, mas sem beijo de língua, sem pegação. Nada. Mas também não acho que ele esteja errado, porque me permiti estar nessa posição. E quando o álcool está envolvido, as pessoas fazem movimentos estúpidos ou as pessoas são surpreendidas pelo momento“.

Ela ainda negou veementemente ter feito sexo com Thompson. “Nunca. Nunca houve esse pensamento, nunca houve essa consideração, nunca aconteceu, e nunca vai. E é por isso que estou disposta a ser testada. Me coloque em um detector de mentiras, seja lá o que for. Preciso que as pessoas saibam a verdade e, mais importante, preciso que as pessoas envolvidas saibam a verdade“.

Jordyn também admitiu que no dia seguinte, enquanto contava a Kylie e Khloé que estava na casa de Thompson, não contou o que aconteceu entre eles. No entanto, ela insistiu que não era o pivô da separação de Koko com o astro da NBA. “Eu não sou uma destruidora de lares. Eu sei que não sou a razão pela qual Tristan e Khloé não estão juntos. Agora, essa situação pode ter dificultado para ela querer estar com ele, e eu entendo isso, mas sei que não sou a razão. Mas não estou aqui para pagar de vítima. Eu não disse a verdade para as pessoas que eu amava. Não por causa de intenção maliciosa, mas porque eu estava com medo“, confessou.

Eu tinha conversado com Kylie e Khloé pela manhã e eu disse a elas que estava lá. Eu tinha conversado com Khloé e ela me perguntou o que estava acontecendo, se estava tudo bem. E na minha cabeça de tentar esquecer essa parte da história, eu fiquei tipo, ‘Você sabe, não, ele estava relaxando, tudo estava bem. Havia garotas lá, mas ele não estava dando em cima das garotas”, relembrou. “Eu fui honesta sobre estar lá, mas não fui honesta sobre as ações que aconteceram”, acrescentou ela.

Questionada por Jada se ela estava tentando salvar o relacionamento da Kardashian com seu então namorado, Jordyn alegou estar “tentando proteger o coração de Khloé“. “Eu só sabia o quanto de turbulência estava acontecendo, eu estava tipo, não vou jogar mais combustível no fogo. Eu sei que estava tentando proteger o coração de Khloé. Ela também não merece isso. As pessoas a desumanizaram nessa situação em que não podem sentir por ela. E não é justo que ela tenha que lidar com isso também. E a última coisa que eu queria era ser essa pessoa. Eu não sou uma destruidora de lares. Eu nunca tentaria destruir a família de alguém. Especialmente alguém que eu amo. E alguém que tem uma filha linda. Eu nunca tentaria roubar o homem de alguém. Eu não preciso disso. Eu realmente machuquei tantas pessoas sem dizer a verdade“.

Assista à entrevista na íntegra:

Jordyn Woods Shares The Truth

Jordyn Woods comes to The Red Table for an emotional first interview about the public scandal involving NBA Star Tristan Thompson, the father of Khloe Kardashian's daughter. She addresses the rumors and accusations. What really happened that night? It’s an RTT exclusive.

Publicado por Red Table Talk em Sexta-feira, 1 de março de 2019

Relembre detalhes do escândalo

Na dia 19 de fevereiro, o site “Hollywood Unlocked” revelou um novo episódio de traição do jogador de basquete, dessa vez protagonizado com ninguém menos que Jordyn Woods, melhor amiga de Kylie Jenner. Tristan teria dado uma festa particular em sua mansão em Los Angeles no dia 17 (um domingo), e uma das fontes do veículo estaria presente no local. De acordo com a testemunha, o craque e a jovem teriam fumado juntos e trocado várias carícias. Em determinado momento, Jordyn teria sentado no colo do rapaz, enquanto os dois se beijavam.

No vídeo publicado pelo site no Instagram, o editor do veículo, Jason Lee ainda dá mais detalhes. Tristan teria tomado a precaução de recolher os celulares de todos os presentes, mas ainda assim deixou que as pessoas continuassem na festa, de clima já quente. Woods, por fim, teria passado a noite com Thompson, saindo da casa dele só às sete da manhã do dia seguinte.

Lee ainda deixou um recado para quem insiste em dizer que uma maldição de infidelidade rondaria a família de Kris Jenner. “Se um cara não presta, ele não presta! E Tristan, o fato de que você dormiu ou ficou com a melhor amiga da irmã da Khloé… e Kylie, o fato de que sua melhor amiga estava lá… Tire-a daí agora! E tire ele também!”, concluiu. Assista:

Depois, Khloé comentou no vídeo de Jason com vários emojis de uma pessoa gritando (comumente usado para dizer que alguém está soltando o verbo), enquanto suas amigas disseram “FATOS FORTES!” e “Amém!”.

Vale lembrar que essa não foi a primeira traição de Tristan Thompson! Em 2018, foram divulgados dois vídeos comprometedores do parceiro da socialite com mulheres em uma boate, enquanto ela estava na reta final de sua gravidez. No primeiro, gravado naquele mesmo mês, ele era mostrado se engraçando com uma mulher numa boate e entrando num hotel com a mesma garota. No outro vídeo, datado de outubro de 2017 – quando Khloé já estava grávida de três meses – o craque aparecia beijando e se esfregando em duas mulheres, com direito a beijos e “mãos naquilo”.