Header (11)

Kim Kardashian revela que perda de peso para o MET Gala piorou doença crônica: ‘Não conseguia nem mexer as mãos’

A empresária deu detalhes sobre o processo de perda de peso para o evento, que causou muita polêmica na época

Kim Kardashian relembrou o processo de preparação para o Met Gala 2022. Na época, em maio, a socialite revelou que teve de perder sete quilos em três semanas para usar o icônico vestido de Marilyn Monroe. Em entrevista à Allure neste fim de semana, Kim confessou que sua psoríase se agravou de forma “muito dolorosa”.

“A psoríase se espalhou pelo meu corpo e eu tive artrite psoriática, então não conseguia nem mexer as mãos”, disse ela. A celebridade explicou que teve que incorporar carne em sua dieta para o tratamento, apesar de normalmente manter uma alimentação à base de plantas. “Eu tive que ir a um reumatologista que me receitou um esteróide. Eu estava enlouquecendo. Depois, eu cortei a carne novamente e [a doença] se acalmou”, continuou Kim.

A artrite psoriática é um tipo de artrite crônica que pode aparecer nas articulações de pessoas com psoríase, uma doença que normalmente afeta a pele. Os principais sintomas são o aparecimento de placas vermelhas na pele, inchaço das articulações e dificuldade em movimentá-las.

Continua depois da Publicidade

Na época, quando revelou que havia perdido sete quilos para utilizar o vestido de Marilyn Monroe, a Kardashian recebeu muitas críticas. O museu proprietário do vestido exigiu que a empresária perdesse peso para poder caber no vestido, já que uma peça histórica como aquela não poderia ser modificada — com isso, a doença crônica de Kim se agravou.

Kimberly justificou, no entanto, que tudo foi feito com acompanhamento profissional: “Se eu estivesse morrendo de fome e fazendo algo que não era saudável, eu diria que, é claro, essa não é uma boa mensagem. Mas eu tinha nutricionista, tinha treinador. Nunca bebi tanta água na minha vida. Eu não vejo críticas para outras pessoas quando elas perderam peso para papéis [no cinema] – elas são [consideradas] gênios por seu ofício”.

Gettyimages 1395061772 (1)
Kim Kardashian utilizou vestido icônico de Marilyn Monroe no MET Gala 2022. (Foto: Getty)

Kim também comentou sobre a experiência de usar o polêmico vestido. A beldade, como se sabe, foi acusada de ter danificado a peça icônica para a história dos EUA. “Foi uma montanha-russa de emoções”, disse ela. “Encontrar o vestido foi uma façanha, e então fazer com que eles me deixassem usar o vestido foi outra façanha. Você tem que usar luvas, há guardas e você ainda tem que usar um ‘papel especial’. Eu acho que [a estilista] estava tremendo porque se alguma coisa rasgasse, se alguma coisa desse errado, sabe? Este é o vestido de Marilyn”, declarou ela.

A filha de Kris Jenner ainda fez uma declaração sobre a dura busca por perfeição da sociedade atualmente.“Estou em paz por não ser perfeita e não era assim antes. Eu odeio minhas mãos – elas estão enrugadas e nojentas. Mas eu vivi a vida, troquei tantas fraldas com essas mãos e aconcheguei meus bebês com essas mãos, então estou bem com elas. [Envelhecer] não significa que não vou lutar pela perfeição, mas você chega a um ponto em que pensa: ‘Ok, minha saúde é mais importante do que qualquer outra coisa'”, concluiu.