Famosos

Katy Perry revela que jogou fora um dos itens prediletos do namorado Orlando Bloom sem que ele soubesse; entenda o motivo

Jonas Lirio - Publicado em 08/02/2019 às 19:25
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

Abre o olho, Marie Kondo! Apesar de se considerar uma acumuladora nata, a fada Katy Perry cometeu um deslize “sem querer querendo” que pode deixá-la em apuros com seu namorado, o deuso Orlando Bloom. Em entrevista à revista Paper divulgada nesta sexta (8), a dona do “Teenage Dream” revelou que jogou fora um dos itens pessoais favoritos do boy. Lá vem bronca! Kkkkk

Katy conta que tem tentado se livrar da mania de guardar tudo que tem em casa, e que, no processo, decidiu se livrar da necessaire favorita de Orlando. “Meu namorado nem sabe que eu joguei fora a necessaire dele enquanto ele estava fora”, admite a diva. “Eu falei para ele que comprei uma nova de presente de Natal. Ele disse ‘Ah, essa já rodou o mundo comigo por dez anos’ e que queria guardá-la. E eu pensei ‘A hora em que você sair é a hora em que esse negócio vai pro lixo’”. Gente? Que maldade kkkkk

E essa capa bapho? Maravilhosa demais! (Foto: Reprodução/Instagram)

Na entrevista, a musa também revela que guarda tudo mesmo, até o que usou como cantora nos últimos anos. “Eu tenho tudo. Minhas fantasias, as fantasias dos dançarinos, os cenários das turnês, minha arminha de chantilly”, conta. “Eu não tenho carros na minha garagem, só uma garagem cheia de roupas mesmo. Sempre foi assim, em todas as casas em que já morei”.

Mas Katy acredita que essa mania tem uma razão bem profunda: o pouco dinheiro que teve enquanto crescia. “Você compra algo e fica pensando ‘eu nunca mais vou comprar isso de novo’ ou ‘eu nunca mais vou conseguir comprar isso de novo’. Tem uma nova psicologia por trás, quando você de repente pode simplesmente comprar alguma coisa — é animal para o seu cérebro”, diz a voz de “Swish Swish”.

Essa tendência de acumuladora, aliás, tem nome e sobrenome. Katy foi diagnosticada com Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC). “Tenho um TOC forte e não falo isso da boca para fora”, revela a diva. Em sua opinião, o transtorno se desenvolveu por conta da instabilidade que tinha quando era criança. “Isso é um produto de tentar controlar meu ambiente”, diz. TOC é coisa séria, mesmo… Mas, como disse a própria Katy, pelo jeito ela consegue controlar os impulsos. Orlando Bloom que o diga! Kkkkk

*Leia também:

– Katy Perry foi suspensa da escola por simular sexo com ‘Tom Cruise’ em árvore; documento revela outras ‘travessuras’ da diva

– Em depoimento, Katy Perry diz que se sentiu “pressionada” a apoiar Kesha em batalha judicial contra Dr. Luke