Lindo! Thelma conta detalhes de história de adoção para Giovanna Ewbank, e apresentadora se emociona: ‘Isso é muito importante pra mim’; assista

Notícias que deixam nosso coração quentinho! Thalma Assis, campeã do “BBB 20”, participou de um bate-papo super bacana com Giovanna Ewbank, que foi ao ar agorinha (07), no YouTube da loira. Durante a conversa, a médica contou um pouco mais sobre o que representa sua vitória no reality e como descobriu, durante a adolescência, ser filha adotiva.

Assim que entrou nesse último assunto, Gioh se emocionou bastante. Junto do marido Bruno Gagliasso, a atriz adotou seus dois filhinhos, Titi (6) e Bless (4), ambos nascidos no Malawi, África do Sul. Agora, Ewbank está grávida e esperando o terceiro filho do casal. “Eu, como mãe do coração, acho muito lindo o teu amor pela sua mãe! É muito importante pra mim ouvir histórias bonitas como a sua”, disse à entrevistada, com os olhos marejados.

Com um grande sorriso no rosto, Thelma se declarou à dona Yara: “A minha mãe é meu maior símbolo de força, porque ela também teve uma realidade difícil e, independente disso, ela sempre acreditou em mim. Sempre falou que eu não deveria desistir dos meus sonhos. Ela nunca colocou nenhum empecilho para meus sonhos”.

Em seguida, a médica explicou que foi adotada com apenas 3 dias de vida, e que sua mãe dizia que ela havia sido trazida pela cegonha! “A vizinha quem me trouxe! Ao invés de chamá-la de ‘tia’, eu chamava a vizinha de ‘cegonha'”, divertiu-se a ex-BBB. “Essa família que me abraçou, mudou a minha realidade. Por isso que sempre me identifiquei com a história de vocês (Giovanna e Bruno), porque sabia que vocês estavam mudando completamente a história dessas pessoinhas (Titi e Bless), elogiou.

Continua depois da Publicidade

Curiosamente, Thelminha descobriu que era adotada aos 15 anos de idade, através de um telefonema anônimo. “Me ligaram e contaram: ‘Você não é filha da sua mãe’. E era uma coisa que eu já tinha desconfiança, porque na minha certidão, está escrito que eu nasci em casa, mas quando perguntava para minha mãe, ela dizia: ‘Você nasceu do meu coração’. Eles omitiam, porque na cabeça deles, eu só teria maturidade pra entender aos 18 anos”, lembrou a anestesiologista.

Diante da nova informação, a sister teve a mais pura e verdadeira reação. “Quando recebi a ligação, meus pais se sentaram na sala, estavam morrendo de medo da minha reação. E eu, claro, falei: ‘Muito obrigada por terem me dado tudo que eu tenho, por tudo que eu sou, pela minha vida”, revelou. Que coisa mais linda!

Mais tarde, Giovanna elogiou a participação da médica no “BBB 20”, que trouxe à tona pautas importantes como feminismo, machismo e racismo. “Foi um prazer poder te ver na TV, ver sua trajetória no programa. Foi um orgulho ter uma personalidade como você, que inspira tanta gente, principalmente mulheres negras. Você é um exemplo pra nós, para minha filha e meu filho”, afirmou a apresentadora.

Aproveitando o gancho, Gioh quis saber o que representava a vitória de Thelminha numa edição tão marcante. “Mais do que o prêmio, na verdade, foi a representatividade e o orgulho de ter passado a mensagem de superação. Não me subestimem pelo fato de eu ser mulher, não me subestime pela minha cor. Passar a mensagem de ‘poder, querer e vencer’, que era a mensagem que minha mãe me passava quando pequena… isso pra mim foi o maior prêmio”, reforçou a campeã.

Por fim, Thelma ainda contou que pretende usar parte do dinheiro que conquistou para comprar um apartamento e, claro, mimar muito dona Yara e sua família! “Eu continuo querendo dar o mundo pra ela! Agora ela está com 70 anos, já sofreu muito… então acho que esse é o momento dela colher frutos, depois de ter acreditado tanto numa pessoinha, que ela queria tornar grande na vida. E ela conseguiu. Agora é hora de retribuir todo esse amor e carinho”, finalizou.