Ludmilla reflete sobre dificuldades que enfrenta por ser “negra, funkeira e bissexual”, e se derrete pela namorada Brunna Gonçalves: “Para sempre”

Nossa danada favorita não se abala com nada! Ludmilla é adepta do ditado “o que não mata, te fortalece” e explicou, durante entrevista à revista Glamour, como superou todos os obstáculos impostos pelos críticos durante sua carreira. Ícone, né mores?

Logo de cara, a cantora já fez uma observação muito importante e realista sobre preconceitos ainda existentes em nossa sociedade. “Vim de Duque de Caxias, sou negra, funkeira e bissexual. Olha quantos gigantes eu preciso vencer com uma única arma, que é a minha voz”, desabafou.

Lud, por sua vez, já passou por cima dos críticos e deixou sua marca registrada no mundo da música. A jovem de 24 anos quebrou recordes de público fora do país, ao se apresentar com sua turnê “Hello Mundo” em Cabo Verde, na África, para mais de 60 mil pessoas! Tá bom ou quer mais?

Na entrevista, a estrela também falou um pouco sobre religião. Ela compara a sua história com a de Davi, que na Bíblia enfrenta o gigante Golias só com uma pedra e é escolhido por Deus para ser o rei de Israel. Ludmilla é cristã e tem na fé outra arma para vencer. “Meus amigos brincam que virei a louca da Bíblia, mas entendi que, quanto mais a estudo, mais me fortaleço para enfrentar os obstáculos da vida”, confessou. Dentre esse obstáculos, estava tornar  público seu namoro com a dançarina Brunna Gonçalves.

A funkeira também relembrou o momento em que refletiu sobre sua sexualidade. “Tinha 16 anos quando comecei a ver como natural a possibilidade de ficar com mulheres. Contei para a minha mãe na época, mas resolvi expor só agora porque sinto que é com ela [Brunna] que vou ficar para sempre”, declarou ela. Fofa!

A reportagem ainda apontou que, após o anúncio, Lud teve alguns contratos publicitários cancelados. Hoje, ela busca criar conexões apenas com marcas e artistas que tenham os mesmos valores que os seus. “Respeito, mas não entendo como quem namoro interfere no meu trabalho”, indagou a artista.

Como se cantar, dançar e compor não fosse o suficiente, a cantora agora é empreendedora e toca o “Lud Hair Boutique”, seu salão de beleza especializado em laces – um modelo de peruca com tela que simula o couro cabeludo. Recentemente, Ludmilla levou seus parentes mais próximos para morarem junto dela em sua nova mansão na Ilha do Governador, Zona Norte do Rio de Janeiro, fruto de todo esse trabalho duro. “Estou vivendo um grande momento”, comemorou a diva.