Mayra Cardi revela o ‘maior motivo’ para o divórcio com Arthur Aguiar, e conta que chegou a pensar no rompimento ainda na gravidez

No último domingo (3), Mayra Cardi surpreendeu os fãs ao anunciar que seu casamento com Arthur Aguiar chegou ao fim. A união dos dois aconteceu em 2017 e dela, nasceu Sophia, de 2 anos. Em entrevista à coluna de Leo Dias, a empresária contou que já havia considerado o divórcio durante a gravidez, e meses após o nascimento da bebê também.

Segundo declaração de Arthur ao colunista, Mayra havia dado “sinais de que não estava feliz”, mas o próprio cantor admitiu que “não foi capaz de mudar”. “Dei sinal não, joguei meteoro de fogo, fui muito objetiva. Eu sou clara. Quando estava grávida da Sophia, senti pela primeira vez vontade de me separar. Foi muito triste, porque estava enlouquecida, apaixonada, cheia de hormônios. Avisei que não estava legal, que queria terminar porque achava que a gente podia ser mais feliz sozinho, e ali a gente tentou ser uma nova versão”, lembrou a coach.

Ambos então insistiram no relacionamento, mas meses depois, Cardi voltou a se questionar. “Quando a minha filha tinha uns 4 para 5 meses, passei por um momento bem difícil. No começo do ano, gravei um vídeo chorando, falando sobre a minha dificuldade na maternidade, de achar o meu eu. Foi libertador para mim porque me desprendi de tudo o que ele (Arthur) achava, para fazer o que eu queria. Liguei o f*da-se — para mim, não para ele. Comecei a fazer o que achava que tinha que fazer, porque, aí sim, não me perderia de novo”, explicou.

View this post on Instagram

Saudade dessa dupla de amor @sophiacardiaguiar e @arthuraguiar sábado e domingo e eu estou longe deles porque escolhi seguir com meu compromisso de estudos, dedicando minha vida aos estudos para alcançar melhor qualidade naquilo que um dia eu me propus pois nós somos responsáveis sobre aqueles que cativamos não é? Vivo buscando e encontrando no meu caminho bons profissionais de infinitas áreas grandes anjos, para que juntos possamos cuidar desse mundão, para que meus filhos possam assim como os seus viver em um mundo mais feliz, saudável e empático! @secavocerenove @crie_voce_ tenho muito orgulho de ter duas empresas da saúde onde como empresária posso reunir e dar oportunidade e espaço a profissionais FODAS que mudam vidas e vidas diariamente OBRIGADA

A post shared by Mayra Cardi (@mayracardi) on

O vídeo do anúncio publicado pela musa fitness teve grande repercussão, e gerou grande especulação sobre os possíveis motivos que acarretaram no término do antigo casal. “Ninguém ganha ao se separar, só tem perdedor. Os dois estão f*didos, os dois estão sofrendo, ninguém tem razão. Imagina você ter que ligar para cada parente e contar a mesma história? Fiz um vídeo, soltei lá e já avisei: ‘Não me liguem, não vou atender!’. Sem sacanagem, nunca recebi tanta mensagem. O povo gosta de desgraça, o meu celular está bombando. E não tenho que dizer nada para ninguém”, disparou Mayra.

Cardi pontuou que as diferenças entre ela e Aguiar a levaram à reflexão sobre o divórcio, e revelou que o fato de ter aberto mão de muita coisa teria sido o ‘maior motivo’ para o rompimento. “Casamento é abrir mão em muitos momentos, para dar um pouco para o outro, é dividir. Com ele aprendi a abrir mão, só que fui demais. Eu deixei de ser eu. Esse para mim é o maior motivo. E não é culpa dele, é minha, porque eu que escolhi. A gente é muito diferente em todos os sentidos”, afirmou.

“Tudo o que eu fazia era contra o que ele faria. Sou uma pessoa que fala alto, ele fala baixinho, em uma educação sem tamanho. Eu, se pudesse, botava uma câmera ali no meu banheiro de manhã, de tarde e de noite. Não ligo, falo tudo. (…) Durante estes três anos, não fiz várias coisas porque tinha medo de perdê-lo. E, no final, quem perdeu fui eu, eu me perdi”, acrescentou.

Por fim, a blogueira deixou claro que o carinho e respeito entre os dois permanece. Ainda vivendo na mesma casa – e dormindo na mesma cama – por conta do período de pandemia, ambos pretendem se mudar, para a mesma cidade, no futuro. “Primeiro íamos para Balneário, para depois irmos para os Estados Unidos. Agora, provavelmente, vou para São Paulo, que é onde a minha avó mora. E depois vou para os EUA. Obviamente que ele (Arthur) vai junto, tanto para um lugar quanto para o outro. Cada um vivendo a sua vida, mas na mesma cidade. A gente tem uma filha, não tem como ser diferente”, concluiu.

Confira a entrevista completa abaixo: