Pamella Holanda Dj Ivis

Pamella Holanda, ex-mulher de DJ Ivis, revela que está sendo perseguida nas redes sociais: “Li que mereço passar fome”

Após divulgar imagens chocantes em que aparece sendo agredida pelo ex-marido, DJ Ivis, Pamella Holanda revelou que ela e a filha, de apenas nove meses, estão sofrendo ataques nas redes sociais. Em um longo desabafo publicado neste sábado (17), a influenciadora expôs como está a situação após a prisão de Iverson de Souza Araújo, que aconteceu no dia 14 de junho, e aproveitou para desmentir alguns boatos que estavam circulando.

Eu não estou bem, mas a Mel [filha do casal] está, e isso é o que me fortalece. Eu queria e quero muito dar por encerrado isso, eu preciso e quero seguir minha vida. Eu, de verdade, preciso. Eu não posso viver revivendo isso, recontando… me explicando. Eu entendo que as pessoas gostam de transparência e eu nesse momento preciso ser, até pra seguir em paz“, iniciou.

Como algumas das agressões foram assistidas por testemunhas, inclusive pela mãe de Pamella, rumores de que a progenitora teria recebido dinheiro para não denunciar o artista começaram a circular. “Minha mãe não recebia 1 centavo do meu ex-companheiro para ser conivente com as agressões. Que espécie de valores ou mulher seria ela se aceitasse ou se vendesse dessa forma?”, esclareceu, afirmando que registrou um boletim de ocorrência por injúria contra o programa que veiculou tal informação.

A moça foi acusada de manter um relacionamento com o DJ por interesse financeiro, o que ela também fez questão de desmentir. “Eu retirei ontem todas as minhas coisas e da minha filha da casa, porque a construtora, então dona da casa, pediu, porque por falta de pagamento eu não poderia estar mais lá, não teria direito. Então em hipótese alguma pode ser dito que eu estava com ele por interesse, por comodidade ou por qualquer justificativa que ponha em questão meus valores e princípios“, continuou.

Fotojet (32)
Ivis é investigado por lesão corporal após agredir a ex-esposa. (Fotos: Reprodução Metrópoles/SBT)

Pamella afirmou que, após tentar “a todo custo” fazer com que o relacionamento funcionasse, agora deixou o caso nas mãos da justiça. “Eu não saí com a conta recheada, com bolsa de marca, nem aparelho de celular de última geração. Eu não dei um golpe. Quando o conheci, ele não tinha nada. Eu o amei de verdade, eu cuidei, fui fiel, fui mulher, mãe. Eu preciso seguir minha vida, mais do que nunca dar um ponto final de vez. Tudo que for de competência da Justiça, vai ser feito, isso independente da minha vontade ou da opinião pública”, pontuou.

Pamella ainda relatou que está psicologicamente abalada após sofrer ataques na internet e que precisará de um tempo para cuidar da saúde. “​Eu quero, de verdade, que entendam que não estou bem. Eu tenho sofrido ameaças de morte. Eu já li, inclusive de outras mulheres, que mereço passar fome, eu e minha filha. Eu preciso de paz. Eu mereço ter paz. Eu vou passar uns dias sem telefone, longe de tudo. Eu preciso cuidar da minha saúde mental. Eu não posso ser a rocha que eu sempre fui, eu tenho que me permitir ser cuidada. Eu preciso me reerguer, e eu vou. Todos iremos“, finalizou. Confira:

DJ Ivis pede perdão à ex-esposa

Nesta sexta-feira (16), um vídeo em que Iverson de Souza Araújo, o DJ Ivis, aparece chorando ao pedir perdão para a ex-esposa, Pamella Holanda, foi divulgado pelo jornalista Léo Dias, do Metrópoles. A defesa do DJ informou que o vídeo foi gravado 20 minutos antes da polícia chegar à residência do músico, o que impossibilitou a publicação do mesmo. “Estou errado mesmo. Peço perdão a cada um de vocês. Nada vai mudar o que eu fiz. Tentei ser perfeito e não consegui. Não quero mudar o que eu fiz, mas quero mostrar que também sou humano”, disse Ivis em um dos trechos.

Ele continua, “admitindo” que errou. “Agora eu vejo a coisa mais errada que já fiz na minha vida, a atitude que tomei. Eu poderia ter feito diferente, mas não fiz. Pedi ajuda a todo mundo e ninguém pôde me ajudar. O que fiz com a Pamella não posso mais voltar atrás. Quando vi domingo a matéria subindo, tentei reagir. Não me justificando, mas eu agi errado mais uma vez. Eu estou me vendo hoje sozinho, tentando ser forte. Mas não existe mais força“, relatou.

Continua depois da Publicidade

Iverson, então, se dirigiu diretamente à ex-esposa: “Para você, Pamella, eu errei. Assumo meu erro. As pessoas que convivem comigo sabem quem eu sou de verdade. Eu não consigo mais ser forte com isso, vendo as pessoas se afastarem de mim por uma atitude errada que tomei. Eu não sou esse monstro. Não sou essa pessoa ruim”. Assista ao vídeo completo:

Entenda o caso

O nome de DJ Ivis ficou entre os assuntos mais comentados da internet no domingo (11), após virem à tona vídeos dele agredindo violentamente sua esposa, Pamella Gomes de Holanda, na frente da filha deles. Segundo o jornalista Leo Dias, as agressões aconteceram no dia 1º de julho. No dia seguinte, ele teria repetido o ataque, após ameaçá-la com uma faca e, durante o embate físico, ter quebrado o telefone da mulher.

Ainda segundo os relatos divulgados por Dias, Pamella só conseguiu chamar a polícia com a ajuda do chefe de segurança do condomínio em que ela e o DJ moram, na Grande Fortaleza. Os dois foram encaminhados à delegacia metropolitana de Eusébio, no Ceará. Enquanto Ivis recebeu apoio de sua equipe de advogados, Pamella permaneceu no local sozinha. Com medo de alguma retaliação, ela foi embora sem fazer o exame de corpo de delito e terminar seu depoimento.

[Atenção! Imagens fortes!]