Famosos

Próximo apresentador do Oscar, Kevin Hart deleta tweets homofóbicos e responde à polêmica: ‘Ocupado demais’

Jonas Lirio - Publicado em 06/12/2018 às 21:34
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

A notícia desta quarta (5) de que o comediante Kevin Hart será o apresentador da próxima cerimônia do Oscar foi bem recebida por muitos, mas deixou muita gente insatisfeita. Poucas horas após o anúncio da Academia, vários usuários do Twitter começaram a desenterrar tweets de conteúdo bastante homofóbico feitos pelo ator há alguns anos. Com as publicações sumindo misteriosamente logo depois, o ator está sendo acusado de tentar abafar o caso.

A maioria dos tweets foram postados por Kevin entre 2009 e 2011, e alguns são bem pesados. “Se meu filho chegar em casa e tentar brincar com a casinha de boneca das minhas filhas, vou quebrá-la na cabeça e dizer ‘pare, isso é coisa de gay’”, diz uma das publicações já deletadas. Em outros tweets, o ator diz que uma pessoa parecia “um outdoor de AIDS” e chamava outra de “viado gordo”. Terrível, né?

(Foto: Reprodução/Twitter)

Essa não é a primeira vez que Kevin Hart se mete em uma polêmica como essa. No stand-up “Seriously Funny”, de 2010, ele diz que um de seus maiores medo é que seu filho seja gay. E, cinco anos depois, o comediante defendeu a “piada”.

Em uma entrevista para Rolling Stone, ele diz que jamais pediria desculpas por algo que não teve a intenção de ofender. “Acho que as pessoas levam as coisas a sério demais”, diz Kevin em um trecho relembrado pelo autor da matéria, o jornalista Jonah Weiner. “Eu não contaria essa piada hoje, porque quando eu a fiz as coisas ainda não eram tão sensíveis como agora”. Putz… difícil defender.

Na quinta (6), o comediante parece ter se pronunciado sobre a polêmica que está voltando à tona. “Hoje meus filhos me fizeram uma pergunta incrível por telefone… ‘Papai, por que você não fica bravo quando as pessoas falam de você na internet?’… minha resposta foi ‘Eu nunca vejo essas coisas porque estou ocupado demais sendo feliz e amando vocês’”, twittou Kevin.

“Depois eu expliquei a eles que é difícil saber o que as pessoas nervosas estão dizendo quando você fica longe de lugares que essas pessoas amam. Eu disse que as pessoas nervosas amam a internet… então eu a uso somente quando necessário, e passo o resto do meu tempo aproveitando a vida”. No final, ele ainda escreveu que jura que ama ser pai.

Um artigo do Buzzfeed News relembra que, em 2011, a Academia do Oscar removeu o diretor Brett Ratner da produção da cerimônia depois que ele usou a palavra “fags” (“viados”). No próximo ano, a premiação deve reconhecer vários filmes com temática LGBT, como “Boy Erased: Uma Verdade Anulada” e “Bohemian Rhapsody”. Além disso, a musa Lady Gaga, um ícone da comunidade LGBT, também deve marcar presença na cerimônia. Vish… nem sabemos o que esperar.

[ATUALIZADO às 22:20] Kevin Hart publicou um vídeo no Instagram em que fala mais sobre a polêmica. “Se você não acredita que as pessoas mudam, crescem, evoluem conforme envelhecem, não sei o que te dizer”, diz o ator. “Não vou deixar a loucura me frustrar ou deixar nervoso, especialmente quando eu trabalho duro pra chegar onde estou agora mentalmente”. Confira a tradução completa do vídeo e da legenda logo abaixo.

View this post on Instagram

Stop looking for reasons to be negative…Stop searching for reasons to be angry….I swear I wish you guys could see/feel/understand the mental place that I am in. I am truly happy people….there is nothing that you can do to change that…NOTHING. I work hard on a daily basis to spread positivity to all….with that being said. If u want to search my history or past and anger yourselves with what u find that is fine with me. I’m almost 40 years old and I’m in love with the man that I am becoming. You LIVE and YOU LEARN & YOU GROW & YOU MATURE. I live to Love….Please take your negative energy and put it into something constructive. Please….What’s understood should never have to be said. I LOVE EVERYBODY…..ONCE AGAIN EVERYBODY. If you choose to not believe me then that’s on you….Have a beautiful day

A post shared by Kevin Hart (@kevinhart4real) on

“Eu juro, cara, nosso mundo está ficando pra lá de doido. Não vou deixar a loucura me frustrar ou deixar nervoso, especialmente quando eu trabalho duro pra chegar onde estou agora mentalmente. Minha equipe me ligou, ‘Oh meu Deus, Kevin, o mundo está chateado com tweets de anos atrás’. Meu Deus, gente, tenho quase 40 anos. Se você não acredita que as pessoas mudam, crescem, evoluem conforme envelhecem, não sei o que te dizer. Se você quer deixar as pessoas em uma posição onde elas sempre têm que se justificar ou se explicar pra você… Sou o cara errado, cara. Estou em um ótimo lugar de maturidade, onde tudo que faço é espalhar positividade. Se você não faz isso, saia da minha página.”

Na legenda, o comediante deixou uma mensagem sobre escolher ser positivo.

“Pare de procurar motivos para ser negativo… Pare de procurar motivos para ficar com raiva… Juro que queria que vocês pudessem ver/sentir/entender o espaço mental em que estou. Eu sou feliz de verdade, gente… não há nada que vocês possam fazer para mudar isso… NADA. Eu trabalho duro diariamente para espalhar positividade para todos… com isso dito… Se você quer procurar no meu histórico e se deixarem com raiva com o que encontrarem, tudo bem por mim. Tenho quase 40 anos e amo o homem que estou me tornando. Você VIVE e APRENDE e CRESCE e AMADURECE. Eu vivo e amo… Por favor, pegue sua energia negativa e canalize em algo construtivo. Por favor… O que está entendido jamais deveria ser dito. Eu amo TODOS… Novamente: TODOS. Se você escolher não acreditar em mim, é com você… Tenham um ótimo dia.”

 

*Leia também:
– Divulgados os indicados ao “Globo de Ouro 2019”; veja a lista na íntegra

– Spirit Awards 2019: Filme brasileiro é indicado ao ‘Oscar do cinema independente’; confira lista completa