Meghan Markle

Meghan Markle vence batalha judicial contra tabloide britânico e valor de indenização choca

Meghan venceu o processo contra a Associated Newspapers, após empresa vazar trechos de uma carta enviada pela duquesa ao pai, em 2018.

Meghan Markle saiu vitoriosa na batalha judicial contra a Associated Newspapers, empresa responsável por diversos jornais e tabloides britânicos. A ex-atriz entrou na Justiça após trechos de uma carta escrita por ela para o pai antes do casamento com príncipe Harry, serem vazados em uma matéria em 2018. Acontece que o valor da indenização não faz nem cócegas: apenas 1 libra, o que equivale a cerca de R$ 7,68 na cotação atual.

Apesar da quantia irrisória, é possível que a empresa tenha que cobrir também grande parte das despesas legais de Meghan no processo, estimadas em mais de £ 1 milhão (R$ 7,68 milhões). Segundo o The Guardian, ainda será entregue à duquesa uma quantia não divulgada por uma outra questão: a de infração de direitos autorais. A Associated Newspapers aceitou a derrota na Justiça e não entrará com recursos no futuro.

À publicação, o advogado especializado em mídia, Mark Stephens, revelou quais valores de indenização normalmente são esperados para casos como este — e os números são bastante contrastantes. “Para esse tipo de invasão de privacidade, você esperaria de £ 75 mil a £ 125 mil (R$ 576,3 mil a R$ 860 mil), declarou.

Gettyimages 1127333755
Megan receberá apenas 1 libra de indenização. (Foto: Getty)

A vitória de Markle no tribunal foi determinada em dezembro de 2021. A defesa da empresa jornalística alegou que Meghan sabia que a carta seria vazada. A corte britânica, entretanto, definiu que o conteúdo da mesma era “pessoal, privado e não era de interesse público”.

Em comunicado oficial, Meghan celebrou a decisão: “Isso é uma vitória para mim e também para qualquer pessoa que já teve medo de defender aquilo que é justo. O mais importante é que agora somos, coletivamente, suficientemente corajosos para remodelar uma indústria de tabloides que leva as pessoas a serem cruéis e que lucra com as mentiras e a dor que cria”.