Rainha Elizabeth II dá sinal de que não guarda mágoas de decisão de Harry e Meghan, e revela imposição para que a relação do casal com a monarquia continue amigável

Sem mágoas! Segundo o “The Sun”, o príncipe Harry se encontrou com a Rainha Elizabeth II nesse domingo (01) no Castelo de Windsor para uma conversa de quatro horas que pretendia “limpar o ar” e qualquer ressentimento que pudesse haver entre eles.

De acordo com o jornal britânico, o convite foi feito pela rainha para que o duque de Sussex almoçasse com ela em uma conversa aberta e informal antes de seus últimos compromissos reais com Meghan Markle na Inglaterra neste mês.

Pelo jeito deu tudo certo! Segundo um informante, durante a refeição de salada e salmão escalfado, a governante deixou “muito claro” que o neto e a duquesa seriam “sempre bem-vindos de volta de braços abertos caso mudassem de ideia”. Ao final, ela reforçou o ‘convite’ e ainda falou que ele era “muito amado”. “A rainha tinha muito a dizer e esse foi o momento ideal”, afirmou o insider.

“Domingo foi a primeira vez que ela teve a chance de conversar sozinha com Harry e realmente descobrir quais são os planos dele. Era um ambiente muito mais leve e os dois puderam dizer o que pensam”, completou.

Avó e neto tiveram uma conversa informal e amorosa nesse domingo (Foto: Getty)

A fonte do “The Sun” ainda disse que a monarca está “muito triste” pela decisão de Harry e Meghan de se mudarem para a América do Norte, uma vez que ela “adoraria ver mais” seu bisneto de nove meses, Archie. [Mas] ela aceitou neste momento que a cabeça dele está feita”, acrescentou.

Apesar do clima leve, ela teria deixado claro uma imposição para que o acordo funcionasse e a relação deles com a monarquia continuasse amigável. De acordo com o informante, a rainha avisou o neto que ele e Meghan não poderiam explorar seu status real e tentar ‘lucrar’ com isso. Foi justamente por esse motivo que ela proibiu o uso da palavra “real” para se referir a eles.

A rainha deixou claro que eles não poderiam tentar lucrar com seu status real (Foto: Getty)

Além do almoço, esse domingo também marcou o anúncio dos últimos compromissos de Meghan e Harry como realezas sênior. O casal vai aparecer com a rainha, príncipe William e Kate Middleton para a celebração anual da Commonwealth na Abadia de Westminster no dia 9 de março.

A partir de 31 deste mês, os duques de Sussex vão abandonar oficialmente o status de “alteza real” e sair da monarquia por uma vida, em sua maioria, na América do Norte.