Famosos

Shawn Mendes analisa relação com maconha e comenta especulações sobre sua sexualidade: ‘Doloroso’

Pedro Hosken - Publicado em 08/04/2019 às 17:43
Compartilhe: Compartilhar no Facebook Compartilhar no Twitter Compartilhar no Pinterest Compartilhar no Whatsapp Compartilhar no E-mail

Capa da ‘Observer’, revista do “The Guardian’, Shawn Mendes voltou a falar sobre as especulações a respeito de sua sexualidade. Em conversa com a publicação, o dono de “In My Blood” definiu a situação como “dolorosa”. “Eu fico com raiva quando as pessoas tiram suas próprias conclusões sobre mim porque eu creio que há pessoas que não têm o sistema de apoio que eu tenho e que esse tipo de coisa deve afetá-las. É por isso que eu fico com raiva e você pode ver que ainda me irrito“, explicou ele. “Quando fazem comentários estúpidos sobre mim, podem magoar tantas outras pessoas. Elas podem não estar falando, mas estão ouvindo“, acrescentou, se referindo, possivelmente, a declarações preconceituosas.

A primeira vez em que Shawn se abriu sobre a questão foi no final de 2017. Na ocasião, ele publicou no Snapchat: “Em primeiro lugar, eu não sou gay. Em segundo lugar, não deveria fazer diferença se eu fosse ou não fosse“. Os rumores sobre sua sexualidade voltaram a ser discutidos por ele em novembro do ano passado, em entrevista à Rolling Stone. “Do fundo do meu coração, sinto que preciso ser visto com alguém – como uma garota – em público, para provar às pessoas que não sou gay. Mesmo que no meu coração eu saiba que isso não é uma coisa ruim. Ainda há um pedaço de mim que pensa isso. E eu odeio esse lado de mim“, desabafou.

Shawn, na capa da “The Observer Magazine” (Foto: Reprodução)

Na mesma entrevista de 2018, Shawn revelou ‘amar maconha’, o que deixou parte de seus fãs adolescentes desapontados. Agora, ele comentou a repercussão e disse não ter visto problemas em falar sobre o assunto. “Isso não me incomoda… Na verdade, eu fiquei feliz com isso porque talvez seja bom para eles entenderem que a maconha não é uma coisa tão importante assim“, explicou à Observer, acrescentando não fumar há três meses. Em outro momento, Mendes refletiu sobre o seu ideal de vida: “Tenho 20 anos e só quero me divertir. O que eu não quero fazer é viver o resto da minha vida pensando: ‘Eu não faria isso porque sou conhecido como o Príncipe Encantado’. No segundo em que alguém coloca você em uma personalidade, você não quer mais ser essa pessoa“.

Shawn segue com uma regra traçada por ele já há um bons anos: ‘nunca recusar uma selfie’. “Só ontem tirei umas 200“, contou o ídolo acessível. O canadense também permanece atento ao que falam sobre ele nas redes. “As últimas 48 horas foram tão desgastantes, apenas lendo o que as pessoas estão dizendo sobre mim [nas mídias sociais]. Há algo na natureza do ser humano que faz você querer ler. Estou com medo das mídias sociais e do quanto isso me afeta. Não é que eu seja vaidoso, mas eu passo muito tempo lendo sobre mim“, analisou. O astro pop, no entanto, tem se vigiado mais. Shawn agora monitora quantas vezes acessa as redes, tenta fazer pausas regulares e usa a meditação para relaxar.

Por fim, o repórter da revista ainda abordou as fotos que Mendes fez para uma campanha de cuecas, questionando se o rapaz teria usado algum tipo de ‘enchimento extra’ durante o ensaio. “Não“, falou Shawn, de sobrancelhas levantadas, talvez surpreso com o teor da pergunta.