Sophie Turner defende jogadora dos EUA que sofreu críticas após comemorar gol contra a Inglaterra, com referência à atriz

Empática! Sophie Turner deu uma pausa na sua lua de mel para dar um apoio a Alex Morgan! A jogadora da seleção norte-americana de futebol feminino fez uma referência à atriz durante comemoração de um gol. No entanto, acabou sendo repreendida pelo público e fãs. Mas nossa Sansa Stark entrou na defesa da atleta!

Após um gol contra o time da Inglaterra na Copa do Mundo de futebol feminino esta semana, Alex celebrou fazendo um gesto como se tivesse bebendo um chá, ou um vinho. Mas muitos acabaram considerando o pequeno gesto desrespeitoso e um zoeira aos ingleses. Segundo a jogadora, a atitude foi uma homenagem à Sophie, que dá suas opiniões em seus Stories, faz o gesto, e fecha com a frase, “And that’s the tea”, algo como “e esse é o babado”.

Confira como foi:

E ela ficou chateada pela forma que as mulheres são tratadas, e acredita que isso não aconteceria caso fosse um homem. “Eu sinto que existe um tipo de duplo padrão para mulheres nos esportes. De sentir que nós temos que ser humildes nos nossos sucessos e temos que celebrar, mas não muito, ou de forma limitada”, opinou ela em entrevista ao Guardian Sport. “Você vê os homens celebrando ao redor do mundo em grandes torneios, pegando os sacos, ou qualquer coisa. E quando eu olho pra um gole de chá, sou um pouco surpreendida por criticismo”, adicionou.

Em vídeos publicados em seu Instagram Stories nesta sexta-feira (05), Sophie agradeceu por ter sido lembrada e reclamou de quem está criticando. “Alex Morgan, eu estou honrada que você lembrou de mim”, agradeceu Turner. “E todos esses que estão odiando, provavelmente estão sentados em casa. Millenials bebendo kombucha. Eu estou realmente orgulhosa pra c***ho de você. Parabéns pela vitória, e esse é a p**ra do babado”, adicionou.

Vale lembrar que a estrela de “Game of Thrones” é britânica, hein?! Mesmo assim, ela admitiu o talento da equipe que derrotou seu time. “É claro que estou incrivelmente triste e incrivelmente orgulhosa daquele time… Mas eu estou tão honrada que nós perdemos para um time tão incrível, a seleção de futebol feminino dos Estados Unidos”, completou a atriz. Assista a declaração de Turner:

E como dizem nos esportes, isso sim que é “fair play”, né?! Maravilhosas!