Claire Danes revela por que recusou papel de Rose em ‘Titanic’, diz não se arrepender, e razão é interessante!

Por muito pouco, Claire Danes não deu vida a Rose em “Titanic”. Em entrevista ao podcast do ator Dax Shepard, divulgada nesta segunda (27), a estrela de ‘Homeland’, revelou ter sido a primeira escolha para o par romântico de Jack. Claire, entretanto, recusou o papel, que por fim, catapultou a carreira de Kate Winslet, a rendendo uma indicação ao Oscar de “Melhor Atriz”, aos 22 anos.

Havia um grande interesse [dos produtores]”, contou ela, que já havia estrelado “Romeu + Julieta”, de 1996, com Leonardo DiCaprio. “Eu tinha acabado de fazer esse épico romântico com Leo na Cidade do México, onde eles iam filmar o Titanic e eu simplesmente não tinha vontade [de repetir isso]”, justificou. Enquanto Danes estava decidida a não ingressar no projeto, DiCaprio teria ficado em dúvida.

Lembro que Leo e eu tínhamos o mesmo empresário na época, e estávamos lá no escritório. E eu estava em uma varanda, o que é engraçado… e Leo tinha um conversível vermelho aluguado … e ele estava meio que andando em círculos no estacionamento. E eu sabia que ele estava lutando com a decisão de fazer esse filme ou não, e ele apenas olhou para mim e disse: ‘Vou fazer isso. Vou fazer isso‘”, relatou ela.

Claire Danes e Leonardo DiCaprio por pouco não repetiram a parceria de “Romeu + Juliet” (Foto: Reprodução)

E eu pude ver que ele não tinha certeza. Mas ele estava tipo ‘merda, eu tenho que fazer isso’. Eu olhei para ele e disse: ‘Eu entendo perfeitamente por que você fará esse filme. E não estou pronta para isso. E acho que realmente não estava pronta para isso“, admitiu Danes, explicitando em seguida seus motivos. “Eu fui muito clara, não havia nenhum conflito interno. Eu tinha certeza do que eu queria. Eu estava apenas ansiosa para ter experiências criativas diferentes, e aquilo me parecia uma repetição… E, como eu disse, acho que isso me levaria a algo que eu sabia que não tinha recursos para lidar. Eu simplesmente não conseguiria e não queria isso“, disse se referindo ao nível de fama que o projeto poderia lhe gerar.

“Lembro depois que o filme foi lançado, que Leo acabou de entrar em outra estratosfera“, observou a estrela, definindo o modo como as outras pessoas passaram a tratar o jovem ator, como “um pouco assustador“. Por fim, Claire disse ter “zero arrependimento” pela recusa do papel e adorar DiCaprio. “Sou uma grande fã dele“, ressaltou. A atriz estava mesmo certa. “Titanic” alavancou o interesse do público sobre Kate e Leonardo, de forma arrebatadora. Ao mesmo tempo, o longa conquistou 11 estatuetas do Oscar e faturou cerca de 2,1 bilhões de dólares nas bilheterias mundiais, o que ainda lhe garante o posto de terceiro filme mais lucrativo da história.