Mk (2)

Michael Keaton revela por que se recusou a participar de “Batman Eternamente” como o super-herói

Diferenças criativas entre o protagonista e o diretor do longa fizeram com que o astro abandonasse a produção

Não veio aí… e foi por um motivo bastante compreensível! Michael Keaton concedeu uma entrevista recente ao programa de podcast “In the Envelope”, e explicou por que decidiu deixar a franquia de filmes do “Batman” e, com isso, não estrelou a continuação “Batman Eternamente”, que teve Val Kilmer como protagonista.

Segundo o premiado ator, diferenças criativas com o então diretor, Joel Schumacher, foram o estopim para a decisão. Enquanto Michael queria explorar mais do passado e da personalidade do super-herói morcego, Joel tinha como objetivo seguir mais à risca os elementos tradicionais das histórias em quadrinhos.

Uma das razões pelas quais não pude fazer isso foi – e você sabe, ele é um homem bom, ele faleceu, então eu não falaria mal dele mesmo se ele estivesse vivo – ele, em um ponto, depois de mais de algumas reuniões em que continuei tentando racionalizar e, com sorte, convencê-lo a dizer: ‘Acho que não queremos ir nessa direção, acho que devemos ir nessa direção’. E ele não iria mudar“, contou o astro.

Continua depois da Publicidade

Em certo momento, Keaton se relembrou: “Me afastei e pensei: ‘Puxa vida, não consigo fazer isso’. Ele me perguntou: ‘Não entendo por que tudo tem que ser tão escuro e tudo tão triste’, e eu disse: ‘Espere um minuto , você sabe como esse cara chegou a ser o Batman? Você já leu? Quer dizer, é muito simples“, explicou.

35528768
O Batman de Michael Keaton marcou época. (Foto: Reprodução)

Analisando a história, o artista revelou encarar o próprio Bruce Wayne como protagonista. “Sempre foi Bruce Wayne. Nunca foi Batman. Para mim, eu sei que o nome do filme é Batman, e é extremamente icônico e muito legal e por causa de Tim Burton, artisticamente icônico. Eu sabia que desde o começo era Bruce Wayne“, refletiu.

Continua depois da Publicidade

Esse era o segredo. Eu nunca falei sobre isso. [Todos diziam] Batman, Batman, Batman faz isso, e eu ficava pensando comigo mesmo: ‘Vocês estão pensando errado aqui’. [É tudo sobre] Bruce Wayne. Que tipo de pessoa faz isso? Quem se torna isso? Que tipo de pessoa [faz isso]?“, completou Michael.

O astro viveu o homem-morcego nas telonas em duas ocasiões: 1989, em “Batman”, e 1992, em “Batman: O Retorno”, ambos dirigidos por Tim Burton. Agora, aos 70 anos, Michael voltará a vestir a armadura do super-herói. Ele interpretará Batman novamente em “The Flash”, estrelado por Ezra Miller, e “BatGirl”, protagonizado por Leslie Grace.